Athletico

Com retorno de titulares na defesa, Athletico encara Metropolitanos em busca da liderança do grupo na Sul-Americana

Foto: José Tramontin/Athletico

O Athletico recebe o Metropolitanos, da Venezuela, pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Sul-Americana. O duelo será a estreia do Furacão em casa, jogando na Arena da Baixada, em Curitiba. Após vencer na estreia, a bola rola às 19h15 para a partida, o Athletico espera fazer sua parte e secar o Melgar no outro duelo, assim a equipe pode assumir a liderança do grupo. O técnico António Oliveira terá o retorno de Santos e Thiago Heleno, desfalques na estreia. Confira a ficha técnica da partida.

Somando todas as competições, o Athletico vem de três vitórias seguidas, desde a estreia contra o Aucas, do Equador, o Furacão não perdeu e espera manter a sequência positiva, já que na Copa Sul-Americana avança apenas o líder do grupo, então uma vitória é fundamental para evitar perder pontos em casa. Oliveira terá o retorno de Santos e Thiago Heleno, mas segue com outras dúvidas no Furacão. A principal é se vai manter o meio campo com quatro jogadores, como no duelo com o Aucas, assim escolhendo Jadson ou Cristian para o setor, ou retornar aos três atacantes, com a entrada de Vitinho para atuar pelo lado do campo. Vale lembrar que Carlos Eduardo, atacante titular pelos lados, segue afastado por lesão.

Com essa dúvidas, um provável Athletico no papel deve ter: Santos; Erick, Pedro Henrique, Thiago Heleno e Abner; Richard, Christian (Vitinho), Fernando Canesin e Léo Cittadini; Nikão e Renato Kayzer. Mesmo brigando por posição no meio de campo, Erick deve seguir sendo titular na lateral direita, mas o jogador também tem a sombra de Khellven, que vem se destacando na equipe aspirante.

O Metropolitanos é uma equipe mais ofensiva e não deve vir apenas se defender na Arena da Baixada, na atual temporada a equipe jogou apenas dois jogos, duas derrotas por 3 a 2, um sinal que é uma equipe que tenta jogar, mas também deixa espaços para os adversários criarem. A equipe venezuela segue com dúvidas no gol, cada goleiro fez um jogo na temporada e ambos não deram sinais que agradaram a comissão técnica da equipe, com isso um provável metropolitanos deve ter: Rojas (Giancarlo Schiavone); Bolívar, Andrés Ferro, Stevan Pabon e Néstor Cova; Bahachille, Robinson Flores, Christian Larotonda e Martell; Johan Moreno e Bustillo.

Para saber tudo sobre o Athletico, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top