Cruzeiro

Com saídas de Valdir e Rafael Luiz, Cruzeiro terá apenas Raúl Cáceres para a lateral-direita

Com saídas de Valdir e Rafael Luiz, Cruzeiro terá apenas Raúl Cáceres para a lateral-direita
Foto: Igor Salles/Cruzeiro

Perto do fim da temporada, os contratos de empréstimo começam a ter fim, no caso do Cruzeiro, o meia Régis e o atacante Arthur Caíke já não atuam mais pela Raposa e mais jogadores devem sair do clube ao final do vínculo com o clube celeste. Para um time que precisa desinchar o elenco isso pode parecer bom, mas não é o caso da lateral-direita cruzeirense, que atualmente conta com Raúl Cáceres e Rafael Luiz, que está emprestado até o fim de fevereiro deste ano.

Rafael Luiz, de apenas 18 anos, acumula passagens e título amistoso pela Seleção Brasileira Sub-20, mas foi pouco utilizado no Cruzeiro. O jogador atuou por 12 vezes com a camisa azul celeste, sendo cinco como titular. Na ausência de Raúl Cáceres por lesão, o técnico Felipão escalou Rafael mesmo tendo Daniel Guedes também à disposição.

Rafael Luiz é jogador revelado pelo Sport e tem sua venda acertada com o Ferroviária-SP. O contrato de empréstimo com o Cruzeiro se encerra em fevereiro deste ano.

Outra saída

Ao final do ano passado, o lateral-direito Valdir deixou o Cruzeiro após expirar seu contrato de empréstimo com a Raposa. O jogador havia chegado ao time mineiro em setembro de 2019, com valor de passe fixado, e foi titular absoluto na categoria Sub-20, chegando até o profissional no início do ano passado, ao lado de outros dez jogadores que disputaram a Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Em 2020, Valdir foi reserva de Edilson, mas chegou a ser escalado como titular por Adilson Batista no empate em 1 a 1 diante o Patrocinense e na vitória por 2 a 1 sobre o Uberlândia. Em maio do ano passado, com a chegada de Enderson Moreira para o comando técnico da Raposa, o lateral-direito voltou para a categoria Sub-20, onde disputou o Campeonato Brasileiro. Passando por crise financeira, o Cruzeiro não exerceu o direito de compra e o jogador retornou ao Coimbra, clube detentor de seus direitos econômicos.

Com isso, o Cruzeiro, em meio de uma profunda crise financeira, terá de procurar no mercado um jogador reserva para Raúl Cáceres (tem contrato até 2022) na lateral-direita, ou subir algum atleta das categorias de base. Ao contrário da lateral-esquerda, onde a Raposa tem cinco jogadores com vínculo ativo, o canto direito tem, confirmado para a próxima temporada, apenas um jogador.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top