Athletico

Com semana inteira para trabalhar, Autuori busca recuperar desfalques por Covid-19

Foto:Mauricio Mano/Athletico

O Athletico volta aos gramados no próximo sábado (12), diante do Atlético Mineiro, em partida na Arena da Baixada. Com isso Paulo Autuori terá a semana inteira para trabalhar a equipe, o Athletico vem de uma longa maratona de jogos. Além da recuperação pelo desgaste físico, Autuori também espera contar com o retorno dos três atletas que estivera ausente por testar para Covid-19.

Autuori deve ter a volta do goleiro Léo Linck, o lateral Khellven e o zagueiro Felipe Aguilar, que testaram positivo para coronavírus no dia último dia 26 e ainda não estavam em condições para partida contra o Fluminense. O Athletico terá a semana inteira de trabalho e tenta reencontrar as vitórias, já são duas partidas sem vencer no Brasileirão e se contar a Libertadores, são quatro jogos sem vitória.

Paulo Autori falou sobre os desgastes dos atletas pela grande maratona de jogos, após a partida contra o Fluminense.

– As pessoas que analisam não tem ideia do que é o desgaste de um jogador, em um jogo com um jogador a menos (Fluminense), vindo de muito desgaste contra o River. Infelizmente, a perda de um jogador acarretou um esforço a mais em um momento em que não deveríamos passar por isso, por tudo aquilo que tem sido essa sequência de jogos.

O Athletico e Autuori terão as semanas livres para trabalhar pelos próximos dias, agora o Athletico que ocupa 12ª posição e só disputa o campeonato nacional. A equipe está a apenas quatro pontos a frente da Zona de Rebaixamento.

Confira os próximos jogos da equipe no Brasileirão:

Athletico x Atlético-MG – 12/12, sábado, 17h – Arena da Baixada
Bragantino x Athletico – 20/12, domingo, 16h – Nabi Abi Chedid
Athletico x Vasco – 27/12, domingo, 16h – Arena da Baixada
Botafogo x Athletico – 06/01, quarta, 19h – Nilton Santos
Coritiba x Athletico – 09/01, sábado, 19h – Couto Pereira

Para saber tudo sobre o Athletico, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top