Campeonato Brasileiro - Série B

Com show de Jean Carlos, Náutico vence Brasil de Pelotas de virada

Foto: Tiago Caldas / CNC

De goleada, com apenas um gol ou de virada, não importa. O Náutico vence de todo jeito. O timbu venceu mais uma pela Série B nesta quarta-feira (21). A vítima da vez foi o Brasil de Pelotas, que foi derrotado de virada por 2 a 1 nos Aflitos em partida válida pela 13ª rodada da competição. Os gols do alvirrubro pernambucano foram marcados por Jean Carlos, que fez uma grande partida e garantiu a manutenção da invencibilidade de sua equipe no campeonato.

Náutico toma susto, mas controla o primeiro tempo graças a Jean Carlos

Embora tenha começado pressionando o visitante Brasil de Pelotas, quando Marciel chutou de fora da área e exigiu defesa de Matheus Nogueira, o Náutico tomou um susto logo no começo do jogo. Após trapalhada dos zagueiros do timbu e do goleiro Alex Alves, Neto, atacante do Xavante, ficou com a bola e cruzou para Ramon que, com o gol aberto, abriu o placar para o time de Pelotas logo no primeiro minuto de jogo.

Atrás no marcador, o alvirrubro pernambucano tratou de ficar mais com a posse de bola. De tanto tentar penetrar na boa defesa do Brasil, o líder do campeonato abriu o placar com Jean Carlos, o nome do primeiro tempo. Rafinha, pela esquerda, deu boa bola para Vinícius, que cruzou rasteiro para Jean girar dentro da área e chutar no canto esquerdo do goleiro do time gaúcho, marcando assim o gol do empate aos 9 minutos.

A virada quase veio com Bryan, cinco minutos depois, que finalizou de longe e levou perigo. Porém, o alívio só chegaria aos 31, quando Jean Carlos cobrou falta com maestria e acertou o ângulo do goleiro Matheus Nogueira, virando o jogo e fazendo 2 a 1 para o timbu. O gol garantiu a vice-artilharia do campeonato ao camisa 10, que agora tem sete gols na competição.

Perto do fim da primeira etapa, o Brasil chegou mais uma vez com perigo. Ramon, após cobrança de falta, subiu mais alto que todo mundo e cabeceou, quase o empatando o jogo.

Foto: Tiago Caldas / CNC
+ Para se ligar na Série B, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Timbu mantém vantagem

Mesmo com a vantagem e tendo menos a bola em alguns momentos, o Náutico foi mais perigoso que o Brasil de Pelotas no segundo tempo e conseguiu manter a sua vantagem. Jean Carlos foi destaque, mais uma vez, e fez o goleiro Matheus Nogueira trabalhar.

Aos 4 minutos, o camisa 10 do timbu e artilheiro da partida cobrou falta perigosa no canto esquerdo de Matheus, que fez boa defesa. Kieza também teve a chance de ampliar o placar, quando recebeu bolão na pequena área após falha da zaga do Brasil e chutou pra fora.

O Náutico ainda ficou com um jogador a menos perto do fim da partida, quando o meia Lucas Paraíba, que entrou no decorrer do segundo tempo, recebeu o segundo amarelo por entrada forte e foi expulso.

O homem do jogo veste a 10

Camisa 10 e craque são sinônimos no futebol, e Jean Carlos provou isso na partida desta quarta-feira. O meia foi o autor dos dois gols do timbu, sendo um deles uma pintura de falta, e foi o destaque da partida.

Escalações

Brasil de Pelotas: Matheus Nogueira, Vidal, Leandro Camilo, Ícaro e Kevin; Rômulo (Wesley), Denilson (Lucas Santos), Alan Dias e Gabriel Terra (Renatinho); Netto (Jarro) e Ramon (Fabrício). Técnico: Cláudio Tencati.

Náutico: Alex Alves, Bryan, Camutanga, Carlão e Rafinha (Breno); Rhaldney (Luiz Henrique), Djavan (Giovanny), Marciel (Lucas Paraíba) e Jean Carlos (Matheus Carvalho); Vinícius e Kieza. Técnico: Hélio dos Anjos.

Agenda

Na próxima rodada o líder Náutico recebe o Brusque nos aflitos, no sábado (24), às 19h30. Na mesma rodada, o Brasil de Pelotas jogará fora mais uma vez, já que vai até Santa Catarina para enfrentar o Avaí na Ressacada, no domingo (25), às 20h30.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top