Corinthians

Corinthians se manifesta contra atos racistas de torcida do Boca e problemas no acesso à Bombonera

Corinthians se posicionou sobre incidentes com a torcida em La Bombonera. Foto: Staff Images/Conmebol.

Nas primeiras horas da madrugada desta quarta-feira (18), pouco após o empate contra o Boca Juniors pela Libertadores, o Corinthians emitiu uma nota, no qual o clube se posicionou contra manifestações de racismo da torcida argentina e a dificuldade de acesso dos corinthianos à La Bombonera.

A assessoria de imprensa do Alvinegro se refere a um vídeo publicado em redes sociais no qual é possível ver torcedores do Boca imitando macacos na arquibancada. Além disso, o clube informou também que a torcida do Corinthians teve problemas para entrar no estádio. 

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

“O Sport Club Corinthians Paulista considera inaceitáveis as manifestações de racismo da torcida do Boca Juniors, bem como o tratamento dado à sua torcida na chegada do estádio La Bombonera”, diz trecho da nota. Confira a publicação completa no fim do texto.

Diversos clubes brasileiros sofreram com atos racistas de torcedores estrangeiros em partidas da atual edição da Libertadores, incluindo o próprio Corinthians no primeiro jogo contra o Boca Juniors, na capital paulista.

+ Atuações ENM: Setor defensivo que falha também salva e segura empate do Corinthians diante do Boca;

+ Auxiliar de Vítor Pereira comemora empate do Corinthians com um a menos: ‘Soubemos sofrer’

Após protesto das equipes, a Conmebol endureceu as regras de prevenção ao racismo e, de acordo com o Código Disciplinar da entidade, quem cometer esse tipo de crime receberá uma multa com valor mínimo de US$ 100 mil (cerca de R$ 500 mil na cotação atual). Ainda há a possibilidade de jogos com portões ou parte das arquibancadas fechadas como punição aos clubes.

Além de problemas para conseguir acompanhar o jogo das arquibancadas de La Bombomera, muitos cornithianos relataram dificuldades no embarque de um voo a Buenos Aires já na manhã de terça-feira, que foi adiado para o período da tarde e chegaria à capital argentina pouco antes da bola rolar.

Confira a nota completa publicada pelo Corinthians:

“O Sport Club Corinthians Paulista considera inaceitáveis as manifestações de racismo da torcida do Boca Juniors, bem como o tratamento dado à sua torcida na chegada do estádio La Bombonera, o que retardou a ocupação dos lugares reservados a ela ao longo de toda a primeira etapa.

Muitos corinthianos, com ingresso, só conseguiram acompanhar a partida de dentro do estádio no segundo tempo por atraso na escolta ou revista nos portões.

O clube vai protocolar reclamação formal à CONMEBOL para apuração de responsabilidades e punições, além de requerer ações preventivas nos próximos jogos.

Atenciosamente,

Sport Club Corinthians Paulista.”

Corinthians se posicionou sobre incidentes com a torcida em La Bombonera. Foto: Staff Images/Conmebol.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top