Campeonato Brasileiro

Na busca por se manter na Série A, o Coritiba recebe o Fluminense no Couto Pereira

Coritiba e Fluminense
Coritiba e Fluminense
Coritiba e Fluminense, no primeiro turno do Brasileirão – Foto: Lance!

Nesta quarta-feira (20), o Coritiba recebe o Fluminense, às 20h30 (horário de Brasília), no Couto Pereira e a temporada atual não vem sendo fácil para o Coxa; o time acabou perdendo pontos importantes em partidas que eram confrontos diretos contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro; o Verdão já enfrentou cinco das seis equipes que dividem a mesma faixa da tabela que o Alviverde. Ou seja, não conseguirá pontos tão importantes nas rodadas seguintes em confrontos diretos. Tudo isso leva o Coritiba a ter que vencer e esperar a derrota dos seus adversários diretos pela luta contra o rebaixamento.  

MUDANÇAS  

Alviverde passou por um ano complexo de inúmeras mudanças, sejam elas técnicas, administrativas ou até mesmo dentro das quatro linhas. Daquele time que enfrentou o Internacional, no Couto Pereira, no dia 08 de agosto de 2020, em jogo válido pela primeira rodada do Campeonato Brasileiro, apenas Wilson, Robson, Nathan Silva e Sabino ainda podem ser considerados titulares pelo Verdão – contando também que dentre os 23 relacionados para aquela partida, 11 jogadores não atuam mais pelo Coxa – na ocasião, o técnico da equipe ainda era Eduardo Barroca, ao chegar na partida dessa quarta-feira (20), sete nomes já comandaram o Coxa na beira do gramado desde o início da temporada.  

O TIME ATUANDO  

A equipe do Alto da Glória teve inúmeros problemas para conseguir montar os 11 titulares no decorrer do ano; problemas com saídas de jogadores, mudanças de formações que não resultaram no esperado e adaptações de atletas em posições de forma improvisada. Na primeira rodada do Campeonato Brasileiro, o Verdão atuou com Patrick e William Matheus nas laterais, no jogo dessa quarta-feira (20), Guilherme Biro e Natanael são os esperados para atuar nas beiradas do campo. Outro setor que sofreu mudanças foi o meio de campo, vindo de boas partidas, o argentino Sarrafiore, junto com Matheus Bueno e Hugo Moura são esperados para comandar o meio campo do Verdão, em outros momentos Ruy, Gabriel e Renê JR, que hoje (20/01) já não compõe o elenco do verdão, já aturam como titulares nas posições.  

ATAQUE VERDE E BRANCO  

Sabino, batedor oficial de pênaltis do Coxa, perdeu sua ultima cobrança na partida contra o Botafogo – Foto: Divulgação/Botafogo

A baixa quantidade de gols feitos no brasileirão é algo que fez com que o Coxa fosse ao mercado em busca do camisa 9 que fizesse a diferença; mesmo com a vinda o medalhão, Ricardo Oliveira, o time pouco fez em 2020/2021. O artilheiro da equipe na Série A é o atacante Robson com 7 gols e o mesmo não vive grande fase dentro do Coxa. O time tem a média de 0,8 gols por jogo e uma conversão de 10% de todos os lances de ataque em gols (SofaScore). 

O ataque coxa-branca foi ponto de discussão sobre quem deveria ou não atuar lá na frente. Igor Jesus, Sassá, Rodrigo Muniz e Wanderley jogaram por algumas partidas no centro ataque do Verdão, porém, nas últimas rodadas, Pablo Thomaz, Ricardo Oliveira e Robson são os que povoam essa parcela do campo. 

Faltam poucas rodadas 

A equipe do Coxa chega para enfrentar o Fluminense com a esperança de fazer os três pontos e manter-se embalado para os próximos jogos da competição. O Verdão tem confrontos diretos contra São Paulo, Grêmio, Palmeiras e Santos nas últimas rodadas do Campeonato Brasileiro, sendo assim, a equipe do Alto da Glória tem plena ciência das dificuldades que tem para se manter na elite do Brasileirão.

Para saber tudo do Alviverde, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top