Basquete

Nuggets deverá assinar com DeMarcus Cousins por dez dias

FOTO: DIVULGAÇÃO NBA

O pivô que foi dispensado do Milwaukee Bucks fazia uma temporada produtiva. Com os Bucks, Cousins disputou 17 partidas e teve médias de 9,1 pontos, 5,8 rebotes e 1,1 assistências em um tempo médio de quadra de 16 minutos. Os atuais campeões dispensaram Cousins antes que o jogador obtivesse o contrato garantido para o restante da temporada.

Cousins vêm brigando com lesões nos últimos anos. O jogador de 31 anos acumula passagem em times como Los Angeles Lakers e Golden State Warriors. Na temporada passada, ele atuou em 41 partidas por Houston Rockets e Los Angeles Clippers.

O jogador que foi quatro vezes all-star na liga, chegaria para suprir uma deficiência do elenco dos Nuggets: um reserva para a posição 5 que já não conta com Michael Porter Jr, machucado. O time lida ainda com outro desfalque: Jamaal Murray.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Caso a transação se concretize, Cousins estará elegivél para o jogo dessa sexta feira, contra o Memphis Grizzles. Nesses dez dias, ele tera a chance de disputar seis partidas com a camisa dos Nuggets.

Desde que rompeu o tendão de aquiles, em 2018, quando ainda atuava pelo New Orleans Pelicans, Cousins vêm lutando contra lesões. Naquela temporada ele tinha ótimos números. Sua média de pontos era de 25,2, 12,9 em média de rebotes e 5,4 em assistências. Em média, o astro jogava 36 minutos por partida. Antes da lesão, Cousins havia feito 48 jogos pelos Pelicans.

Desde então, o jogador nunca mais repetiu esses números. Sua melhor exibição foi então com a camisa dos Warriors. Suas médias eram de 16,3 pontos, 8,2 rebotes e 3,6 assistências. Com Golden State, Cousins chegou até a final da NBA, não vencendo a série. O jogador é campeão olímpico, medalha conquistada na Olimpíada do Rio em 2016, e campeão mundial, título conquistado em 2014.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top