São Paulo

‘Merecíamos as quartas de final’, diz Crespo após classificação do São Paulo na Copa do Brasil

"Merecíamos as quartas de final", diz Crespo após classificação do São Paulo na Copa do Brasil
Foto: Reprodução são paulo fc

O São Paulo foi até o Rio de Janeiro, no estádio São Januário encarar o Vasco da Gama e venceu o segundo jogo das oitavas de final da Copa do Brasil por 2 a 1 com gols de Rigoni e Benítez. Com o resultado, a equipe de Crespo está classificada para as quartas de final da competição.

Após o jogo, o técnico do Tricolor falou sobre a partida e sobre o resultado que garantiu o Clube do Morumbi na próxima fase e enalteceu o bom futebol apresentado pela equipe.

– Acho que devemos analisar o complexo do jogo. Acredito que jogamos muito bem e merecemos colocar o time nas quartas de final. Quero aproveitar e dedicar essa classificação ao nosso presidente Júlio Casares, Ruy Costa que pegaram Covid-19 e acompanham o time de todos os lados e agora não estão passando por um bom momento. Sobre o jogo, chegamos ao objetivo muito bem, jogando um bom futebol no Morumbi, talvez a expulsão deles mudou os planos do Vasco e não corremos o risco de perder a classificação.

+ Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

Sofrendo com as lesões e ainda sem sucesso nas contratações de um centroavante, Crespo tem adotado a interação nos treinos do Sub-20 com o elenco profissional. Na partida contra o Vasco, o treinador chamou o atacante de 19 anos, Juan, para integrar a equipe.

– Temos uma linha que temos que seguir desde o começo do ano, no caso Talles está com nós, o Marquinhos, e agora o Juan. Nós trabalhamos durante a semana com muitos jogadores de Cotia e a interação é constante, sabemos os talentos que temos. Alguns jogadores precisam um pouco mais de tempo, e acredito que o trabalho apenas começou.

Durante a partida, o meia Wiliam saiu de campo chorando. O jogador havia se recuperado de uma lesão no joelho e contra o Vasco teve de ser substituído e saiu aos prantos. Crespo comentou sobre o abraço no jogador e falou sobre o momento delicado.

– Não sabemos a gravidade da lesão, mas sabemos a pessoa que é Wiliam, sabemos o que significa para gente ele dentro do grupo. Sabemos o que faz no dia a dia, como trabalha. Todos são assim. Quando acontece algo com o atleta é difícil e não temos outra opção a não ser acompanhá-los.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top