Cruzeiro

“O Cruzeiro vai levar mais de 10 anos para pagar suas dívidas”, afirma ex-diretor Deivid

"O Cruzeiro vai levar mais de 10 anos para pagar suas dívidas", afirma ex-diretor Deivid

Deivid é dono de uma longa história no Cruzeiro. Com diversas passagens pela Toca da Raposa, ele já foi jogador, assistente, técnico e diretor do clube. Em entrevista ao programa Charla Podcast, o profissional fez declarações contundentes sobre a futuro do time celeste:

– Ali (Cruzeiro), só se virar clube-empresa. A dívida é muito grande. Eu sempre falo: o Sérgio (Santos Rodrigues), presidente, é muito corajoso. Ele teve muito culhão ao pegar o clube em uma situação dessas.

Perguntado sobre o futuro da Raposa, Deivid afirma que o torcedor não entende a realidade do clube:

– O torcedor não entende. É o que eu te falo. O torcedor quer montar times com o clube devendo. Primeiro tem que fazer o que o Sérgio está fazendo, que é pagar contas. Toda hora chega uma conta da FIFA. Toda hora não pode inscrever jogadores por que a FIFA não sei o quê… Aí você tem que pagar salários, fazer time e pagar a FIFA. É impossível! O Cruzeiro deve um bilhão.

Leia também: Presidente do Cruzeiro afirma: ‘SAF é a forma de captação de recursos mais segura disponível’

O Cruzeiro sobe para a Série A?

– Se o Vanderlei tivesse vindo antes, até que subia (em 2021). Porque o Vanderlei é um cara experiente e conhece futebol. O Cruzeiro vai subir, mas as dívidas vai levar uns dez anos (para pagar). Ela é muito alta, é um bilhão. Não é R$ 900 mil e pouco, é um bilhão! Bota aí dez, 12 anos -, disse Deivid, que também afirmou que quem paga o preço das dívidas são os funcionários:

– O que fizeram com o clube é muita covardia, porque quem paga é o funcionário. Quem paga é a menina da faxina, são os caras da cozinha que estavam há três, quatro meses sem receber, aí cortavam a luz deles. Aí nós íamos ajudando com cem, duzentos reais, na medida do possível. Eu via os jogadores ajudando. Quem paga são eles, mas o torcedor vai e quer ganhar jogo. “Ah, porque o Atlético…” esquece o Atlético. Meu problema é aqui, Cruzeiro. Temos que resolver isso aqui, esquece o Atlético.

Leia também: ‘Dinheiro não compra história e títulos’, declara presidente do Cruzeiro

Deivid relembra dívidas do Flamengo

– Por isso que dou o maior exemplo do Bandeira (Eduardo Bandeira de Mello; ex-presidente do Flamengo). Ele falou: “Eu não tenho condições de te pagar, entra na justiça que daqui três anos eu te pago”. Em um ano ele me pagou tudo. O que ele fez? Mandou seis, sete jogadores embora, fez caixa e foi pagando. Ele falou: “Eu não vou montar time para ganhar, eu vou pagar todas as contas. Depois que eu pagar, eu vou montar time”. E no meio do caminho ele ganhou Copa do Brasil, Carioca… Eu acho que foi uma grande escola. O Cruzeiro tem que fazer isso. Esquece títulos. É montar time para subir, depois subir e pagar contas.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top