Cruzeiro

Cruzeiro se reúne com a CBF e acrescenta pênalti contra o Vasco à lista de reclamações

Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Na tarde desta segunda-feira (20), o Cruzeiro se reunirá com a Confederação Brasileira de Futebol (CBF), para oficializar as reclamações sobre a arbitragem na Série B do Campeonato Brasileiro. O diretor técnico, Ricardo Rocha, o superintendente jurídico, Flávio Boson, e o diretor executivo, André Argolo, devem representar a Raposa na reunião.

A informação foi inicialmente divulgada pela Rádio Itatiaia. 

A indignação do time mineiro começou na partida diante do Operário, na Arena do Jacaré, em que o Cruzeiro teve um gol anulado no último lance do confronto. Na ocasião, o árbitro demorou 13 minutos para consultar o VAR e anular o gol da equipe. A diretoria celeste alegou que a demora na comunicação, mostrava que o lance era inconclusivo e, dessa forma, a decisão de campo deveria ter sido mantida. O gol marcado pelo time paranaense no confronto, foi irregular e também causou insatisfação por parte da Raposa.

Veja também: Cruzeiro terá desfalques e prováveis retornos diante do CSA, no próximo domingo

Agora, no empate diante do Vasco, o Cruzeiro reclama de um possível pênalti de Marquinhos Gabriel em cima de Adriano. O VAR chegou a revisar o lance, mas não recomendou a revisão ao árbitro principal.

Após mandar seus dois últimos jogos em Sete Lagoas, o time mineiro transferiu as próximas partidas para a Arena Independência. A melhor estrutura para o uso do VAR no estádio, pode ter motivado a diretoria celeste a mudar de casa.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top