Lutas

Daniel Cormier é indicado para entrar no Hall da Fama do UFC

Divulgação/Instagram Oficial UFC

O Hall da Fama do UFC terá mais um membro em sua classe de 2022. Neste sábado (7), durante a transmissão do UFC 274, foi anunciado que Daniel Cormier fará parte da lista dos homenageados da organização nesta iniciativa.

Cormier trabalhou como comentarista do Ultimate no card deste final de semana em Phoenix (EUA) e não escondeu a emoção quando houve o anúncio que se tornará mais um lutador a receber a homenagem, caindo em lágrimas diante das câmeras

Ex-atleta olímpico da luta-livre, tendo participado das Olimpíada de Atenas-2004, onde terminou em quarto lugar, ‘DC’ começou sua carreira no MMA em 2008 e logo começou a fazer sucesso, empilhando vitórias e tendo sua primeira grande chance de fazer sucesso no extinto Strikeforce, em que enfrentou lutadores do calibre de Antônio Pezão, Jeff Monson e Josh Barnett, vencendo ali o torneio dos pesos-pesados.

Com a absorção desta organização pelo UFC, Cormier seguiu lutando nos pesados, mas por conta do sucesso de seu amigo e colega de time Cain Velasquez nesta categoria, desceu para o meio-pesado, onde encontraria aquele que se tornaria seu maior rival em sua trajetória como lutador nas artes marciais mistas: Jon Jones.

Foram duas lutas, a primeira vencida sem qualquer contestação por ‘Bones’ em 2015 e a outra, dois anos depois, também vencida por Jones no octógono, mas anulada por conta de um teste antidoping positivo deste. Em meio isso, troca intensa de farpas, provocações em coletivas e até mesmo irem para as vias de fato num evento promocional.

Daniel Cormier foi campeão no UFC dos meio-pesados em duas oportunidades e também nos pesados, sendo um dos poucos a deter dois títulos simultâneos . Foi na categoria máxima em que encerrou a carreira, depois de duas derrotas para Stipe Miocic e de onde saiu para virar comentarista das lutas do Ultimate.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top