São Paulo

Diego Costa não aceita derrota nos acréscimos para o Palmeiras e manda recado ao torcedor do São Paulo

Diego Costa lamenta derrota no final para o Palmeiras e manda recado ao torcedor do São Paulo
Foto: Rubens Chiri / saopaulofc.net

O São Paulo recebeu o Palmeiras na última segunda-feira no Morumbi e foi derrotado de virada por 2 a 1. O resultado fez com que a equipe comandada por Rogério Ceni encerrasse a invencibilidade de 14 jogos somando todas as competições e a segunda em casa.

O zagueiro Diego Costa comentou sobre o resultado e ressaltou que os erros ficarão de lição para o s próximos compromissos.

– É difícil perder o jogo assim no final, por mais que estivéssemos sofrendo estávamos conseguindo deixar o time forte enquanto eles atacavam. Nós entendemos o sentimento do torcedor e ficamos frustrados também e temos que virar a chave. Tem um novo jogo pela frente de mata-mata e temos que estar bem, de cabeça fria e pensar no jogo a partir de agora. Vai ser um jogo disputado do começo ao fim. Que sirva de lição. Não gosto de perder e principalmente dessa forma. Agora é descansar porque vem dois jogos difíceis por aí – comentou o zagueiro.

– Acho que jogos assim de clássico com duas grandes equipes é no detalhe. É um jogo quando o juiz apita e foi dois erros que não podemos ceder principalmente para o Palmeiras que é uma equipe qualificada. A gente sente muito essa derrota, sentimos muito o que o torcedor sente. Agora é descansar, agora é virar a chave porque não dá tempo de lamentar.

Diego Costa contra o Palmeiras | Foto: Rubens Chiri/saopaulofc.net

+ Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

Após o final de jogo, a torcida presente no Morumbi vaiou a equipe e gritou ‘time sem vergonha’, pela frustração de os dois gols terem saído nos minutos finais. Diego pediu que o torcedor compareça novamente para o próximo jogo.

A gente pede que o torcedor apoie. Eu entendo particularmente que o torcedor não aceita e nós também não aceitamos. Compartilhamos o sentimento. O São Paulo é isso, quer ganhar todo dia e a gente tem que se colocar à disposição para isso. É continuar fazendo o que a gente vem fazendo e corrigir os erros. Já pensar nesse jogo para a gente buscar a vitória.

– Eu acho que se nós não tivéssemos tomado os gols de bola parada estaríamos falando que o nosso time jogou muito. Conseguimos parar o Palmeiras. Foi no detalhe da bola parada e infelizmente eles foram felizes. Isso não pode acontecer, nos últimos minutos, no jogo do tamanho do São Paulo então que a gente leve isso de lição para o decorrer da competição.

O próximo jogo entre as duas equipes será nesta quinta-feira (23), às 20h (horário de Brasília), pela primeira partida das oitavas de final da Copa do Brasil, novamente no Morumbi.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top