São Paulo

Diniz não vê resultado como lucro e elogia Gabriel Sara: “O São Paulo piorou com a saída dele”

Diniz
FOTO: REPRODUÇÃO / SPFCTV
— Continua depois da publicidade —

O São Paulo empatou por 1 a 1 com o RB Bragantino, nesta quarta-feira (09), no Morumbi, em duelo válido pela 9ª rodada do Campeoanto Brasileiro. O Tricolor dominou boa parte do primeiro tempo, mas não conseguiu traduzir as chegadas ofensivas em gol. Já na segunda etapa, o São Paulo voltou desligado e, num contra-ataque do Massa Bruta, levou o primeiro gol da partida. O técnico Fernando Diniz comentou sobre essa oscilação nos dois tempos da equipe do Morumbi e não viu o resultado como lucro:

– Em relação ao jogo, fizemos um primeiro tempo de razoável para bom. As mudanças foram no sentido de ter mais intensidade e conseguir fazer os gols. Mas o time não conseguiu responder . No resultado, eu não comemoro nada como se fosse lucro. O que me preocupa é o time ter a chance de ganhar o jogo e a gente oscilou de novo. Foi no primeiro tempo que a gente podia ter saído com um placar de 1 a 0 ou até 2. O time que vai ser campeão é o time que vai oscilar menos. A gente está oscilando muito.

Mais uma vez, Diniz foi perguntado sobre Gabriel Sara. Com mais uma atuação apagada, o meia voltou a ser elogiado pelo treinador:

– O Sara é um grande jogador, um garoto. Com a saída dele a gente piorou no jogo. Quando a bola entra nas nossas linhas ele é sempre o primeiro a voltar. É fato que fez uma partida ruim, mas é um jogador que tem tudo para dar certo.

Um lance que ficou marcado durante a partida foi o elogio irônico de Fernando Diniz à Luciano(autor da penalidade) após a marcação do primeiro pênalti para o RB Bragantino. Diniz disse ao atacante: “Parabéns, Luciano. Tá olhando o que? Vai tomar no….”. Mas perguntado sobre isso após a partida, Diniz comentou que não foi nada anormal:

– A minha relação com o Luciano é ótima por conta que posso cobrá-lo do jeito que acho que posso cobrar. E ele responde muito bem a isso. E ele tem muito a render aqui no São Paulo.

O próximo confronto do São Paulo é contra o Santos, no sábado (12), na Vila Belmiro, às 19h. Diniz também comentou se pouparia alguns jogadores para esse duelo, visto que na semana que vem o Tricolor tem o River Plate pela frente, em duelo válido pela Libertadores:

– Isso passa na nossa cabeça (poupar alguns jogadores para o clássico), mas não está definido. É uma coisa que a gente está estudando ainda se houver necessidade. Porque o jogo do Santos também é um jogo importante. Então é uma coisa que a gente tem que conversar e ouvir também os jogadores como eles vão estar.

Para saber tudo sobre o SÃO PAULO, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook!

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo