Futebol Internacional

Dortmund tem interesse em contratar Ziyech para reforçar o ataque ao lado de Haaland

David Lidstrom/Getty Images

O vice-líder da Bundesliga, Borussia Dortmund, agora, pensa em três nomes para reforçar o elenco na próxima temporada. Dortmund tem favoritos para ajudar Haaland no ataque, sendo eles Hakim Ziyech, Callum Hudson Odoi e Sancho. A equipe está prestes a enfrentar jogos decisivos pelo Campeonato Alemão e pretende avançar no mata-mata da Liga dos Campeões, por isso, existe precisa contratar um novo ala para reforçar o time. 

Borussia Dortmund fará proposta milionária para manter Haaland, diz jornal

De acordo com o jornal alemão Bild, o desejo de Ziyech é deixar seu atual clube, Chelsea, neste inverno. O Borussia Dortmund tem a opção de contratá-lo por empréstimo, oficializando um vínculo até 2025. O marroquino, que atua como meio-campista, não tem sido utilizado pelo clube inglês, mesmo tendo sido uma peça importante ao Ajax na temporada 2018/19 pela Liga dos Campeões. 

Borussia oferece aumento de salário, mas Haaland quer deixar o clube, diz jornal

A outra opção do clube alemão é Callum Hudson Odo, companheiro do Ziyech no Chelsea. Mas as negociações podem não avançar, uma vez que Callum ocupou o lugar do marroquino no elenco inglês. Dortmund já tinha interesse pelo jogador no verão, quando ainda não era titular no time.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Jadon Sancho, que atualmente defende o Manchester United, também pode ser uma opção de reforço ao ataque alemão. Sancho já atuou pelo Borussia Dortmund e não foi utilizado com frequência desde que chegou aos Red Devils, em julho deste ano. Ao todo, em onze jogos disputados desde sua chegada, o inglês participou de três, sendo assim, uma boa opção para retornar ao BVB trazendo força ao elenco. Torcedores do Borussia pedem a volta de Jadon pelas redes sociais, subindo a hashtag “#freesancho”. Mas, de acordo com o jornal Bild, o Manchester United e o BVB não têm interesse em desfazer a troca. 

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top