Lutas

Eagle FC: Kevin Lee vence e lesiona o joelho em duelo de ex-UFC

Divulgação/Facebook Oficial Eagle FC

A Eagle FC, organização de MMA liderada por Khabib Nurmagomedov, realizou na última sexta-feira (11) seu primeiro show nos Estados Unidos. Para promover bem a marca da nova entidade, o evento contou com alguns velhos conhecidos dos fãs do UFC.

Dentre eles, Kevin Lee e Diego Sanchez. Ambos com passagem de sucesso pelo Ultimate foram os astros da luta principal em Miami. Uma luta a qual o vencedor teve que pagar um preço bem caro para sair do cage com o braço levantado

LEIA TAMBÉM

+ Magomed Ankalaev promete ‘violência’ em luta conta Thiago Marreta no UFC

+ Magomed Ankalaev promete ‘violência’ em luta conta Thiago Marreta no UFC

A luta

Bastou um chute de Sanchez na perna de Lee para que o ritmo da luta fosse alterado. O golpe fez com que o ex-peso-leve do Ultimate tivesse que adotar uma postura na qual tentou mais a trocação nos primeiros momentos do evento, logo indo para sua arma favorita: o wrestling.

Kevin Lee derrubou o rival em várias oportunidades e passou a machucar bastante Sanchez com socos e cotoveladas. O também ex-UFC, que teve uma saída bastante polêmica da organização, procurou resistir o quanto pode aos ataques do adversário e conseguiu.

Sanchez preferiu na parte final da luta apostar em chute na perna e complicar ainda mais a vida do ‘Motown Phenom’. ,Mas quando tentou ir mais para iniciativa, acabou levando um soco que o derrubou e terminou novamente sob a chuva de golpes de Lee, que assegurou a vitória na decisão dos juízes.

Mas a vitória teve um preço. O chute que recebeu na perna no começo do combate pode ter causado uma forte lesão nos ligamentos do joelho, conforme revelado por Lee depois da luta.

– Acho que rompi meu ligamento ou algo assim. Toda vez que eu tentava andar, parecia que estava querendo explodir, então irei direto para o hospital – declarou o lutador.

Mais destaques do Eagle FC

O Eagle FC desta sexta-feira também teve outras atrações de peso. Outro ex-UFC, Ray Borg, esteve no cage onde enfrentou Ricky Bandejas e fez uma luta acirrada contra este, conseguindo a vitória na decisão dividida dos juízes.

Dois brasileiros estiveram presentes no evento. Handesson Ferreira encarou Zach Juusola e o ‘Boy Doido’ fez uma luta dominante e segura para vencer na decisão dos juízes. A mesma sorte não teve Caio Uruguai, que encarou Sitik Muduev e foi derrotado.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top