Internacional

Edenilson, do Internacional, comenta estreia pela Seleção Brasileira

Lucas Figueiredo/CBF

Na última quinta-feira (09), a Seleção Brasileira venceu o Peru, por 2 a 0, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo de 2022. Na partida, um jogador do Internacional estreou pela Canarinho. O volante Edenilson, destaque colorado no Campeonato Brasileiro, pode figurar pela primeira vez utilizando a camisa 15 nacional.

Ainda na zona mista do estádio, após a vitória, Edenilson comentou um pouco sobre os primeiros trabalhos sobre o comando do técnico Tite na Seleção Brasileira. Além disso, o jogador celebrou a experiência.

– O que eu levo é a força do grupo. Desde o primeiro dia, me receberam muito bem, trataram como se eu já estivesse aqui. Isso facilita. Foi uma experiência única. O professor falou, logo no começo, para a gente deixar de lado o orgulho e concentrar na partida, e foi isso que tentei fazer. Queria trabalhar com a maior seriedade possível para poder ajudá-los – comentou Edenilson.

Para saber tudo sobre o Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook!

A estreia de Edenilson, pela Seleção Brasileira, ocorreu aos 38 minutos do segundo tempo. Apesar do pouco tempo, o volante apareceu bem, tanto na parte ofensiva quanto defensiva. Um dos artilheiros do Brasileirão, com oito gols marcados, o atleta sabe que precisará das sequência aos bons rendimentos para voltar a ser chamado pelo técnico Tite.

– Vou seguir fazendo o mesmo que me trouxe até aqui, ou até mais, já que a gente sempre tem margem para melhoras. É isso que vou fazer para, quem sabe, ser lembrado nas próximas convocações – afirmou Edenilson, que retorna ao Internacional para a partida contra o Sport, pelo Campeonato Brasileiro.

O trabalho na Seleção Brasileira, inclusive, não foi celebrado apenas por Edenilson. Companheiro de posição do volante do Internacional, Casemiro, do Real Madrid, elogiou os trabalhos realizados pelo camisa 8 colorado, assim como a partida.

– O Edenilson fez bons treinamentos e entrou bem no jogo. Isso é bom para abrir o leque, porque nós temos, no mínimo, três seleções de grandes jogadores – argumentou Casemiro, já considerando Edenilson para uma possível presença em futuras convocações.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top