Athletico

Eduardo Barros fala sobre vitória histórica e o prazo da diretoria para ele a frente do Athletico

— Continua depois da publicidade —

O Athletico de Eduardo Barros venceu o Jorge Wilstermann da Bolívia por 3 a 2 na noite desta terça-feira (15) pela terceira rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. A vitória foi importante em vários aspectos para o Furacão, já que a equipe vem buscando reabilitação na temporada, além de ser a primeira na história do Athletico na altitude pela Libertadores e pelo prazo que a diretoria do clube deu ao treinador interino.

Eduardo Barros falou sobre a vitória histórica e sobre seu cargo como interino a frente do Athletico. No comando dele são duas vitórias, dois empates e uma derrota. Eduardo comentou que a vitória é histórica para o clube e que está contente no cargo e deixa nas mãos da diretoria se continua ou não no cargo de técnico do Furacão.

Sobre a partida, Eduardo frisou a força do elenco que vem buscando se reabilitar na temporada e que o resultado não será esquecido para o torcedor do Athletico, já que o Furacão nunca havia vencido uma partida pela Libertadores na altitude.

– O resultado é um resultado histórico. São sete participações em Libertadores do clube, e eram sete partidas em altitude e nenhuma vitória. Foi uma vitória de um grupo que tem tido uma força mental enorme para reverter os resultados ruins anteriores na temporada.

Vale lembrar que Eduardo teria um prazo para mostrar resultados à frente da equipe principal do Athletico. O prazo citado após a saída de Dorival Júnior, era até a partida diante do Wilstermann. Sobre sua sequência, Eduardo comenta que ser testado é normal e a decisão é da diretoria do Athletico.

– Todos os treinadores no Brasil são testados o tempo todo, comigo não está sendo diferente. Eu tive uma oportunidade ano passado e neste ano assumi de novo de forma interina para que a diretoria tivesse tempo para escolher um novo nome, ou se entender que eu e minha equipe está respondendo, para que nós continuarmos.

O Athletico volta aos gramados, muito provável que com Eduardo Barros, na próxima quarta-feira(23) contra o Colo-Colo (CHI) pela quarta rodada da Copa Libertadores. O Furacão e o Colo-colo são os líderes do grupo C com seis pontos cada.

Para saber tudo sobre o Athletico, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo