Fluminense

Em coletiva, Danilo Barcelos fala sobre sua relação com a torcida do Fluminense e o início de trabalho do técnico Marcão

Foto: Maílson Santana/ Fluminense

O lateral-esquerdo do Fluminense, Danilo Barcelos, concedeu entrevista coletiva na tarde desta terça-feira (22), no CT Carlos Castilho, no Rio de Janeiro – via videoconferência. Entre alguns questionamentos, o atleta respondeu sobre o início de trabalho do técnico Marcão:

–  Muito complicado uma troca de comando. Sempre terá alguns percalços, é apenas o início de trabalho. É muito cedo ainda (para as críticas) e o trabalho do Marcão é muito bom. Tem o grupo todo na mão, como tinha o Odair, estamos nos enquadrando ao estilo de jogo dele (Marcão), que não muda muito do professor Odair, e tenho certeza que vamos encontrar a forma. Foram apenas dois jogos, claro que o torcedor está ansioso, pois fazemos uma boa campanha e não podemos perder pontos como nas últimas duas partidas. Mas, eu falo em nome de todo o grupo, estamos super confiantes com o Marcão e felizes com que a gente vem realizando. Tenho certeza que as coisas vão melhorar.

Ele também valorizou mais uma semana livre de treinos com o novo comandante:

– Importante essa semana livre para trabalhar com o professor. Temos tido semanas muito boas. A partida abaixo que a gente fez, não foi por causa do trabalho, foi um jogo atípico. Temos certeza que no sábado vamos recuperar esses pontos que perdemos para o Atlético-GO.

CONFIRA OUTROS TRECHOS DA COLETIVA DE DANILO BARCELOS

ERROS DEFENSIVOS NO ÚLTIMO JOGO

A gente fez um jogo muito abaixo, é difícil negar isso. Erramos muitas coisas que a gente não costuma errar, mas não fizemos diferente do que vínhamos fazendo nos últimos jogos. Tentamos sair jogando, impor nosso ritmo, porém, tiveram vários outros fatores que não foram favoráveis no jogo contra o Atlético-GO e eu fiquei de fora do jogo contra o Vasco. Fizemos as mesmas coisas e deram certo no primeiro tempo, um pouco no segundo, e infelizmente contra o Atlético-GO não deu. Esperamos que contra o São Paulo, na nossa casa, onde temos uma boa sequência e resultados, possamos fazer nosso melhor, sem mudar muita coisa, pois acho que estamos fazendo isso durante todo o campeonato. Para que as coisas voltem a dar certo novamente. Tirar o saldo negativo do jogo contra o Atlético-GO

TÍTULO DO SUB-17

Foi muito importante, a gente acompanhou. Inclusive, estávamos vendo o jogo dos meninos antes do treino começar. Nós que vivemos isso um tempo atrás, dá aquela saudade, e vê-los nessa “batida”, com a história que tem a base do Fluminense, é muito importante. É um título de Campeonato Brasileiro, certeza que vai marca-los para sempre e dar um lastro para eles entrarem juntos com a gente aqui.

CRÍTICAS AO MEIO-CAMPO DO TIME NO ÚLTIMO JOGO

Eu acredito que faltou muita coisa no último jogo, não foi só o meio-campo. Nós lá de trás também estávamos lentos, tínhamos dificuldades para sair jogando. Sempre fazemos isso nos jogos (sair jogando), e já há muito tempo que o Fluminense faz isso, não desde que cheguei aqui. Então é uma postura que nosso time tem, mas infelizmente no último jogo não deu certo. Entendo as críticas do torcedor. Temos que nos recuperar o mais rápido possível, porque é reta final de campeonato, e não podemos perder pontos pelo que a gente sonha. Tenho certeza que no sábado vamos dar a volta por cima. Entendo que não passa só pelo meio-campo, o time como um todo foi muito abaixo no último jogo. Precisamos todos melhorar.

MÉDIA DE IDADE DO TIME

Nosso time tem esses mesmos jogadores há muito tempo, acho que isso não pode ser uma dúvida nossa agora. Todos que estão aqui ajudam muito, não importa se têm 30, 38, 20… todos estão em um processo muito bom fisicamente e duvido muito que isso faça diferença na nossa equipe. Mas, eu entendo qualquer tipo de manifestação. Acredito que vamos dar nossa volta por cima no sábado.

METAS PARA OS PRÓXIMOS JOGOS

Tem que ser jogo a jogo, até porque estamos em um ano muito atípico. Todos os clubes estão vivendo nessa linha. Fizemos isso desde o início do campeonato e vem dando certo, estamos com uma pontuação boa. Acredito muito que tem que ser jogo a jogo, até porque temos confrontos diretos. No primeiro turno, esse início de tabela até os 10 primeiros jogos, foram muito difíceis também. E o que acabou dando certo foi nosso jogo a jogo, a nossa concentração. Volto a repetir, tivemos um jogo muito abaixo na quarta-feira e tem que ser apagado de imediato para o jogo contra o São Paulo. Independentemente se é o líder, o que importa que aqui dentro da nossa casa temos que sair com a vitória contra qualquer um que venha aqui jogar.

CRÍTICAS E RELAÇÃO COM A TORCIDA

Foi um período difícil (as críticas no início), tive a oportunidade de falar aqui outras vezes, que é extremamente normal e natural por eu estar vindo de um rival. Encaro muito bem, passei muito por isso na minha carreira, e fico “satisfeito”. Quando tem críticas ou elogios, alguém acompanha seu trabalho desde antes. Eu fico feliz com a maneira que eu fui recebido aqui, isso foi totalmente favorável para eu poder ter uma boa sequência. A minha relação com o torcedor do Fluminense, independente das críticas, é muito boa, respeito muito e estou doido para encontrá-los no Maracanã. Enfim, eu vivo dias maravilhosos, sou um cara muito intenso e espero ficar muito tempo. Estou muito feliz aqui.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top