Ceará

Em coletiva, Vina comenta ansiedade de jogar a Sul-Americana: ‘É sempre um frio na barriga, independente da competição’

Foto: Divulgação / Ceará SC

Nesta quinta-feira (15), o meia Vina cedeu entrevista coletiva guiada, justamente no dia do seu aniversário de 30 anos. O jogador conversou com os jornalistas remotamente antes de começar as atividades táticas visando o duelo contra o Sampaio Correa, pelas quartas de final, da Copa do Nordeste. O aniversariante do dia, comentou sobre seu início de temporada e sua expectativa para a sequência do ano.

Perguntado sobre as pretensões na temporada de 2021, Vina respondeu. “Eu tenho minha consciência tranquila de que é um começo de trabalho e que ainda são poucos jogos. Estamos vivendo um momento diferente de tudo o que já foi vivido, no futebol. Terminamos uma temporada e já começamos outra. Não tivemos uma preparação. As coisas acontecem com o tempo e eu costumo dizer que elas precisam ser avaliadas pela forma que termina e não como começa.”

O atleta também comentou sobre a sequência de jogos nesse início de temporada e a ansiedade em jogar uma competição internacional A semana vem sendo frenética para atletas e comissão técnica e o meia Vina comentou sobre essa sequência de jogos importantes. “É sempre um frio na barriga, independente da competição. A gente sabe que existe essa ansiedade, ainda mais pela parte da torcida, por ser um campeonato internacional, mas temos que ter pé no chão e respeitar a ordem das coisas. Primeiro, nós temos uma partida importantíssima pela Copa do Nordeste, onde estamos em busca de um tricampeonato. Depois, vamos pensar no jogo da Sul-Americana, onde eu tenho certeza que todos os meus companheiros querem dar o seu melhor.”

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top