Tênis

Em comunicado, Rafael Nadal anuncia que está fora da temporada de 2021

Divulgação: @atptour

Se já não bastasse o Roger Federer ter anunciado que está fora do US Open, nesta sexta-feira (20) o espanhol Rafael Nadal, por meio das redes sociais, também anunciou que não jogará a temporada de 2021, e isso incluiu o último Grand Slam do ano. O motivo da desistência é uma lesão no pé esquerdo, que segundo o espanhol, está com ele desde 2005.

Essa não foi a primeira desistência de Nadal nesse ano. Em junho, o tenista anunciou que não iria disputar Wimbledon e as Olimpíadas por não ter condições físicas para participar dos dois torneios.

Leia abaixo o comunicado na íntegra:

“Olá a todos! Gostaria de informar que, infelizmente, tenho que encerrar a temporada de 2021.

Sinceramente, há um ano venho sofrendo muito mais do que deveria em meu pé e agora preciso de um tempo para recuperar. Depois de ter discutido com a minha equipe e família, esta decisão foi tomada e penso que é o caminho a seguir para eu me recuperar e recuperar bem. É um ano em que perdi coisas que me importam muito, como Wimbledon, como as Olimpíadas, como vai ser o Aberto dos Estados Unidos agora e como tantos outros eventos que também são importantes para mim. E tendo em vista que durante este último ano não tive a capacidade de treinar, me preparar e competir da maneira que realmente gosto de fazer.

Cheguei à conclusão de que preciso de um tempo para me recuperar e mudar um monte de coisas para tentar entender qual foi a evolução do pé de agora até então. Esta não é uma lesão nova, é algo que tenho desde 2005 e não me impediu de desenvolver minha carreira durante todos esses anos.

Siga o Esporte News Mundo pelo TwitterFacebook e Instagram

É verdade sim que tenho uma temporada em que as coisas não são como deveria, como nós todos gostaríamos, e este é um momento de tomar decisões e buscar algum tipo de tratamento diferente para o pé para encontrar uma solução que melhore o problema e que permita que eu possa seguir mais alguns anos.

Estou com o máximo de entusiasmo e predisposição para fazer o que for preciso para recuperar da melhor forma possível para continuar competindo pelas coisas que realmente me motivam.

Estou convencido de que com a recuperação do pé é obviamente um esforço diário muito importante, pois isso pode ser alcançado e vou trabalhar o máximo que puder para que isso aconteça.

Desde já agradeço todo o apoio, compreensão e todas as vossas expressões de carinho tão importantes e mais em momentos difíceis como estes.

Prometo a vocês que o que farei é trabalhar forte para tentar seguir desfrutando deste esporte por mais um tempo.

Um forte abraço a todos.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top