Futebol Internacional

Em dia de final da Copa da Itália, Rômulo relembra títulos conquistados

Foto: Divulgação

A Copa da Itália será decidida nesta quarta-feira (11), às 16hs (de Brasília), e vai colocar frente a frente Inter de Milão e Juventus, no Estádio Olímpico de Roma. O brasileiro Rômulo Caldeira, que atuou no país por mais de dez temporadas, já conseguiu conquistar o torneio em duas oportunidades, sendo uma pela Juventus, em 2015, e outra pela Lazio, em 2019. Experiente, o jogador de 34 anos relembrou as conquistas que teve no futebol italiano.

— Quando ganhamos com a Juventus, eu estava no auge da minha carreira, jogando ao lado de jogadores fora da curva. Foi um título que me deu muita notoriedade a nível mundial, não tem como esquecer. Quatro anos depois, com a Lazio, foi outra conquista marcante. A Lazio, na Itália, é como o Cruzeiro no Brasil, gosta de ganhar copas (já são 7), então quando ganhamos do Milan, na semifinal, sabíamos que a camisa pesaria na final, e não deu outra — relembra o atleta.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Antes de chegar ao Cruzeiro, clube que defende atualmente, Rômulo construiu a sua carreira no futebol italiano. Além de Juventus e Lazio, o jogador brasileiro passou por Fiorentina, Hellas Verona e Genoa. Ao longo desses anos, o brasileiro conseguiu adquirir uma grande experiência dentro desta competição nacional.

— A Copa da Itália é a competição mais esperada do ano no país, pois é a única que se decide em jogo único e com o estádio dividido, com 50% de torcida para cada lado. Ou seja, é emoção e adrenalina pura. É um espetáculo à parte, uma final seca, jogada no tradicional e famoso Estádio Olímpico de Roma — destacou Rômulo.

Nas temporadas em que foi campeão da Copa da Itália, o jogador brasileiro fazia parte de elencos de muita qualidade. Na Juventus, em 2015, Andrea Pirlo, Paul Pogba, Arturo Vidal e Carlos Tevez faziam parte do elenco. Já em 2019, na Lazio, foi campeão ao lado de jogadores como Lucas Leiva e Ciro Immobile.

Além das conquistas nacionais e o fato de ter atuado ao lado de grandes jogadores, Rômulo acredita também que a sua passagem pelo futebol italiano foi importante para a evolução dentro da carreira.

— Ajudaram muito a nível profissional, porque, a cada título, o atleta adquire experiências que o ajudam a lidar melhor com momentos importantes e cruciais da carreira. Sem falar que isso nos valoriza e nos eterniza na história dos clubes — finalizou Rômulo.

Com 14 títulos, a Juventus é o clube que mais conquistou a Copa da Itália em toda a história. Já a Inter de Milão está em busca de seu oitavo título dentro do torneio nacional. A Roma é o segundo clube que mais conquistou a Copa da Itália, tendo faturado nove títulos.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top