Conmebol Libertadores

Em duelo decisivo na Vila Belmiro, Santos enfrenta o The Strongest pela Libertadores

Foto: Divulgação/Santos Futebol Clube

Em jogo válido pela terceira rodada do grupo C da Conmebol Libertadores, o Santos recebe o The Strongest, da Bolívia, nesta terça-feira (04), às 19:15 horário de Brasília, no estádio da Vila Belmiro.

O Santos vive um início de temporada bem complicado, com perdas de jogadores importantes e sem contratações por conta da punição da Fifa. Além disso, teve a saída precoce do treinador Ariel Holan do cargo, após quase dois meses no comando. No campo, o Peixe vive sério risco de não se classificar para a próxima fase da Libertadores. Nos últimos dois jogos pela chave, o Alvinegro acabou perdendo para o Barcelona de Guayaquil, do Equador e Boca Juniors, da Argentina. E, ainda está zerado no grupo junto com a equipe boliviana.

A partida é muito decisiva para o clube praiano que necessita de uma vitória para manter as chances de classificação. O time fez uma partida competitiva no empate contra Red Bull Bragantino pelo Campeonato Paulista, principalmente no segundo tempo, quando teve chance de virar o marcador, após o gol de Jean Mota, mas a arbitragem marcou impedimento de Marinho no início da jogada.

O meia foi titular no sábado e teve uma atuação muito boa, com uma melhora na saída de bola. Em entrevista ao site oficial do clube, o camisa 41, falou sobre a atuação da equipe e o gol anulado.

-“Eu fui feliz em acertar um chute bonito no sábado, que infelizmente não foi validado. Porém, fica a lição de que precisamos ter essa gana de arriscar. A característica do Santos FC é de ir pra frente sempre e finalizar as jogadas“-disse Jean Mota.

O central falou sobre as próximas partidas da Libertadores e demonstrou a importância de pontuar nestas partidas.

-“Agora serão quatro finais na Libertadores e a primeira já é amanhã. Não tem outro resultado para nós que não seja a vitória. Pode ser o começo de uma arrancada e vamos em busca disso”- falou o meia.

Jean Mota tem grandes chances de continuar na equipe titular e iniciar a partida contra os bolivianos. Pelo outro lado, o clube praiano não vai contar com o capitão Alison, suspenso. O jovem Vínicius Balieiro pode herdar a vaga do camisa cinco no meio-campo.

Uma provável escalação: João Paulo; Pará, Kaiky, Luan Peres, Felipe Jonatan, Vínicius Balieiro, Jean Mota, Gabriel Pirani, Marinho, Lucas Braga e Marcos Leonardo (Kaio Jorge).

Confira a lista de relacionados, segundo o Uol Esporte

Goleiros: João Paulo, John e Vladimir.

Zagueiros: Luan Peres, Kaiky, Luiz Felipe e Robson.

Laterais: Felipe Jonatan, Pará e Madson.

Meio-campistas: Gabriel Pirani, Ceará, Jean Mota, Kevin Malthus, Lucas Lourenço e Vinicius Balieiro.

Atacantes: Allanzinho, Marinho, Kaio Jorge, Marcos Leonardo, Lucas Braga e Copete.

Duelos entre as equipes

De acordo com o Acervo Santista, em toda a história entre as equipes, houve 6 jogos, com quatro vitórias santistas, um empate e apenas uma derrota nos duelos. Na Conmebol Libertadores, o Santos enfrentou o The Strongest em duas edições do torneio continental. A primeira em 2012 e a segunda em 2017, ambas pela fase de grupos da competição.

Quer saber mais sobre o Santos, siga o Esporte News Mundo pelo Twitter, Facebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top