Cuiabá

Em jogo duro, Cuiabá vence o Ação pela partida de ida das semifinais do Estadual

Foto: (AssCom Dourado)

Foto: AssCom Dourado

Os dois times jogaram na manhã deste domingo (2) na Arena Pantanal, pelo primeiro duelo das semifinais do Campeonato Mato-grossense. A equipe cuiabana venceu pelo placar de 2 a 0, com gols marcados no inicio de cada etapa.

O JOGO
A expectativa, era que a partida fosse extremamente disputada, muito em razão do bom desempenho a qual o Ação fez durante o campeonato. Logo no inicio, os primeiros minutos foram com a equipe do Técnico Odil Soares encima, trocavam passes na área do adversário, mas não conseguiam concluir as jogadas.

O Cuiabá, então resolveu e deu uma resposta certeira em seguida. Aos 6 minutos, em lance pelo lado direito do ataque, Lucas Ramon cruzou, Osman finalizou encima do zagueiro e no rebote Camilo de fora da área chutou, a bola desviou, e sobrou no pé do Próprio Osman, que só teve o trabalho de empurrar e abrir o placar.

Após tomar o gol, o mandante da partida, no caso o Ação, partiu pra cima em busca do empate. Na metade do primeiro tempo, já havia criado duas chances claras de gol. A primeira, em uma invertida de bola da esquerda para a direita, Pikachu entrou na área, a defesa cortou e Peixinho chutou de fora, mas, passou por cima do gol. Já a Segunda, Michel que recebeu um bom passe no meio e finalizou no canto, mas, a bola saiu pela linha de fundo.

Mesmo depois da parada técnica, a equipe seguia encima, sufocando seu adversário. Alberto Valentim, não conseguia fazer o dourado se impor e o time reagia apenas nos contra-ataques. Na reta final da primeira etapa, o tuiuiú teve outra ótima chance. A jogada, começou no meio de campo, Peixinho deu uma caneta em Rafael Gava, efetuou um passe longo para Pikachu, que dentro da área, tirou o zagueiro e tocou por cobertura, a bola encobriu o goleiro João Carlos, mas, saiu de lado.

Ainda nos acréscimos, tiveram outra oportunidade de empatar. Odail Jr, recebeu a bola novamente pelo lado direito, cruzou e Dudu de primeira finalizou pra fora, sendo assim a última chance antes do intervalo.

A volta para o segundo tempo, vinha com a dúvida se o Ação permaneceria com esse ímpeto ofensivo, porém a equipe levou outro golpe duro nos primeiros minutos. Em bela jogada pelo meio, Jonathan Cafú, achou Clayson livre na esquerda, o Camisa 10 dominou e tocou para Rafael Gava, que chegou na área pegando de primeira e ampliou o placar.

Autor do 2° gol do Cuiabá (Foto: AssCom Dourado)

Depois desse lance, a partida caiu de rendimento como do costume nos jogos do estadual. O desgaste físico do time, veio á tona, as alterações feitas durante toda a segunda etapa surgiram pouco efeito para o mandante e a equipe do Cuiabá soube administrar até o fim e conquistar o resultado.

ESCALAÇÕES
AÇÃO: Zé Carlos; índio, Odail Jr, Lucas, Vinicius; Ruan Bahia, Dudu, Peixinho; Michel, Pikachu, Lukako. Técnico: Odil Soares

CUIABÁ: João Carlos; Lucas Ramon, Marllon, Anderson Conceição, Uendel; Camilo, Rafael Gava, Clayson, Jonathan Cafú; Osman, Josiel. Técnico: Alberto Valentim

DESTAQUE DA PARTIDA
Com assistência para um dos gols e a boa participação consistente na partida, o destaque vai para o meia Rafael Gava. Apesar, da equipe não ter feito um bom jogo coletivo no primeiro tempo, jogando como meia atacante, o camisa 10, mostrou um bom repertório durante o jogo, ele era quem iniciava boa parte dos contra-ataques e tentava as jogadas individuais.

TABELA DE CLASSIFICAÇÃO
Após o resultado conquistado, o Cuiabá poderá perder o jogo da volta por um gol de diferença que se classifica para a final. Enquanto o Ação, vai ter um grande desafio, se quiser classificar diretamente, terá vencer o confronto por três ou mais gols diferença, por dois a decisão vai para os pênaltis, menos que isso será eliminado.

PRÓXIMOS COMPROMISSOS
Os dois times, terão uma semana para se preparar para o segundo duelo, que ocorrerá no próximo domingo (9). A partida, será novamente na Arena Pantanal, ás 09h horário local, com o mando do dourado dessa vez.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top