Basquete

Em jogo emocionante, Pinheiros vira contra o Corinthians e sai na frente no NBB

Pinheiros Corinthians
Beto Miller/Corinthians

As oitavas de final do NBB seguem à todo vapor com grandes jogos acontecendo. Nesta quarta-feira, 20, Corinthians e Pinheiros protagonizaram um dos principais confrontos até aqui com vitória do time de David Pelosini por 80 a 78, jogando no Ginásio Wlamir Marques, casa alvinegra.

Desde o primeiro minuto, as duas equipes travaram um duelo equilibrado. Com chances para os dois lados, Pinheiros e Corinthians seguiram sempre próximos do marcador com nenhum dos dois lados ganhando muita folga. Ao final dos primeiros 10 minutos, melhor para o Pinheiros que venceu por 19 a 17 com Coleman e Malcolm Miller travando boa batalha individual.

No segundo quarto, Deryk, Coleman e Munford chamaram a responsabilidade, criaram uma verdadeira insanidade dentro do perímetro com quase 85% de chutes certos. A boa trama do trio permitiu ao Pinheiros ganhar folga no placar e ir para o intervalo com uma excelente vantagem de 16 pontos. Pelo lado do Timão, os erros foram custando aos poucos uma partida que até então estava equilibrada e indefinida.

Após o intervalo, Léo Figueiró ajustou os principais problemas alvinegros, o time passou a funcionar o garrafão tanto no ataque como na defesa. Mesmo com a larga distância, o time se impôs, reduziu para apenas dois pontos e colocou fogo no jogo para a reta-final da partida.

Com tudo indefinido, a partida ficou totalmente em aberta com o Corinthians chegando próximo do marcador, o Pinheiros voltando a assumir o placar, até Miiligan colocar o Timão na liderança depois de muito tempo. O estadunidense ainda colaborou para que os donos da casa chegassem a abrir até sete pontos de vantagem com pouco mais de dois minutos para o fim, mas Munford e Gabriel voltaram a deixar os visitantes em boa situação para chegar no último minuto com apenas dois pontos de diferença.

Em uma jogada rápida, Gabriel pegou rebote defensivo, acionou Munford, que errou arremesso, mas Jefferson ficou com a bola e deixou para Abreu empatar o duelo faltando 19 segundos para o fim. No lance, Pedro Nunes ainda cometeu falta, que virou lance livre e a virada do Pinheiros. Para completar o arco da derrocada corintiana, o tempo técnico pedido por Figueiró até deixou o Corinthians com a bola, mas a saída errada praticamente colocou um fim no jogo. Em desvantagem, Figueredo teve que fazer a falta, Abreu converteu um dos dois lances livres e decretou o triunfo dos visitantes.

Com a vitória, o Pinheiros pode garantir a classificação em casa. No sábado, 23, o time de David Pelosini recebe o Timão no Hugão, às 16h10, e precisa apenas da vitória para confirmar a vaga nas oitavas. Para o Corinthians, vencer significa a sobrevivência na série e força o terceiro jogo, novamente, em casa.

Destaques do jogo

Corinthians: Miller (22 pontos, três rebotes e duas assistências) e Miiligan (17 pontos, quatro rebotes e três assistências);

Pinheiros: Coleman (14 pontos, um rebote e duas assistências) e Gabriel (13 pontos, cinco rebotes e três assistências);

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top