Campeonato Brasileiro - Série C

Em jogo equilibrado, Treze perde para o Santa Cruz e encerra invencibilidade de sete jogos

Foto: Rafael Melo/ Santa Cruz FC
— Continua depois da publicidade —

O Santa Cruz venceu o Treze por 1 a 0 na noite deste sábado (17), no Estádio Amigão, em Campina Grande. O time pernambucano marcou o gol solitário da partida com o atacante Lourenço, na segunda etapa, e se isolou na liderança da chave. Com a derrota, o Treze encerrou uma sequência de três vitórias seguidas e uma invencibilidade de sete jogos, exatos 37 dias.

O Jogo

O confronto entre Treze e Santa Cruz colocavam objetivos distintos em cheque. O Treze que busca se afirmar fora da zona de rebaixamento, após ficar mais de oito rodadas na zona de descenso, e figura na quinta colocação, e o objetivo do Galo da Borborema é se firmar na parte de cima, afastar o fantasma do Z2 e mirar objetivos maiores.

Já o Santa busca a afirmação na liderança do Grupo A da Série C e se classificar, o quanto antes, para a próxima fase. Uma curiosidade deste duelo entre paraibanos e pernambucanos é que o Santa Cruz não vencia o Treze em Campina Grande desde 2002. De lá para cá foram cinco partidas no Estádio Amigão entre os dois times, com dois empates e três vitórias do Treze.

Primeiro tempo

A partida começou bem estudada entre os dois adversários no Estádio Amigão, com o jogo sendo baseado mais na intermediária do gramado, e com avanços ofensivos baseados em explorar os flancos, mas sem muito êxito. A primeira chance mais perigosa veio aos 12 minutos, com o Santa Cruz, após cruzamento de Toty ara a grande área, Pipico cabeceou mas acabou mandando por cima do gol.

O jogo passou a ser muito truncado, e as duas equipes desperdiçavam passes na busca de dar profundidade ao ataque. Aos 29 minutos, Gilvan teve espaço para evoluir e resolveu arriscar um belo chute para o gol, a bola passou por cima e levou perigo à meta do goleiro Jordan.

A primeira etapa se resumiu à ocorrência de muitas faltas táticas, troca de passes inofensivas e pouco brilho ofensivo.

Segundo tempo

O Treze começou mostrando o cartão de visitas na segunda etapa. Aos três minutos, Gilmar cruzou, a bola desviou em Danny Morais e por pouco não engana o goleiro Jordan e entra no canto entre a trave e o goleiro. O Santa logo reagiu. Aos oito minutos, Vinícius Barba cometeu infração na lateral, Didira cobrou a falta na entrada da pequena área, Lourenço desviou para o gol e a bola entrou na “bochecha” da rede. Santa Cruz na frente, 1 a 0.

O jogo ficou mais cadenciado, com o Treze partindo para o ataque de forma desordenada, naturalmente pois precisava empatar, e o Santa aproveitava os espaços e apostava nos contra-ataques. E numa dessas transições ofensivas o time Cobra Coral quase empatou. No minuto 21, após cruzamento de Perí, Pipico cabeceou no canto alto do gol e Andrey fez linda defesa plástica, evitando o que seria o segundo gol do Santinha na partida.

O Treze ainda reclamou de um possível pênalti. Gilvan entrou na diagonal dentro da pequena área, tinha a posse da bola, e o goleiro Jordan acabou derrubando o atacante trezeano, que pediu efusivamente pela marcação de um pênalti, mas o árbitro assinalou apenas o tiro de meta. Após o minuto 27, logo após o questionamento do Treze sobre a possível marcação de pênalti, o Santa Cruz anulou as ações ofensivas do time paraibano e passou a administrar a partida e não sofreu pressão, pois o Treze esbarrava nas próprias limitações ofensivas. Com isso, o Santa garantiu a vitória, a liderança isolada do Grupo A da Série C e, de quebra, afastou o tabu de 18 anos sem vencer o Treze em Campina Grande.

Escalações

Treze: Andrey; Gustavo (Ermínio), Ítalo, Nílson Jr. e Gilmar; Robson (Maycon), Vinícius Barba, Douglas Lima (Maycon Paixão) e Douglas Packer (Bruno Mota); Frontini (Murici) e Gilvan. Técnico: Márcio Fernandes

Santa Cruz: Jordan; Toty, Danny Morais, Célio Santos e Perí; André, Bileu e Didira (Tinga); Lourenço (Jáderson), Leonan (Paulinho) e Pipico (Caio Mancha). Técnico: Marcelo Martelotte

Classificação

Com a vitória, o Santa Cruz se isola na liderança do Grupo A da Série C com 24 pontos e, momentaneamente, assume a liderança geral do campeonato. Já o Treze permanece com 13 pontos e, por hora, continua na quinta colocação do grupo, mas com as partidas que ainda faltam serem realizadas na rodada, a equipe pode acabar perdendo posições.

Marcado na agenda

O Treze volta a campo no próximo sábado (24) contra o Paysandu, novamente no Estádio Amigão, às 17h, enquanto o Santa Cruz volta a atuar no domingo (25), contra o Botafogo-PB, no Estádio do Arruda.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top