Campeonato Brasileiro - Série B

Em jogo morno, Grêmio vence Guarani e volta para vice-liderança da Série B

FOTO: LUCAS UEBEL/GREMIO FBPA

Em partida válida pela 22ª rodada, o Grêmio visitou o Guarani e venceu a partida por 2 a 1 no estádio Brinco de Ouro. Os gols da partida foram marcados por Villasanti, no primeiro tempo, e Biel na etapa complementar, além de João Victor para o Guarani.

Com o resultado, o Grêmio assume a segunda colocação na tabela, com 40 pontos ganhos. Já o Guarani permanece em 18º, com 19 pontos ganhos e segue na zona de rebaixamento.

Na próxima rodada, o Guarani visita o Criciúma na quarta-feira (10) às 21h30 em Santa Catarina, enquanto que o Grêmio recebe o Operário na terça-feira (9) às 19h na Arena em Porto Alegre.

PRIMEIRO TEMPO DE DOMÍNIO DO GRÊMIO

O Grêmio começou melhor a partida, se aproveitando principalmente de roubadas de bola do meio para frente. E assim, a equipe transitava rápido e criava oportunidades, mas mais em chutes de fora da área.

E foi numa dessas roubadas e desses chutes de fora da área que Villasanti abriu o placar, que aproveitou um bate e rebate no meio-campo, tabelou com Diego Souza e finalizou rasteiro no canto do goleiro Kozlinski para abrir o placar.

O Grêmio ainda teve mais uma ótima chance com de Biel de fora da área, após boa troca de passes no meio-campo e o time se aproveitava dos espaços proporcionados pelo Guarani. Mas o time recuou e o Guarani começou a ocupar o campo de ataque. Teve duas chances, em que Geromel e o goleiro Brenno salvaram o Tricolor.

SEGUNDO TEMPO DE UM JOGO RUIM

A segunda etapa foi de baixa qualidade, especialmente pelo lado do Grêmio. A equipe recuou demais, não conseguia trocar passes em projeção. O Guarani passou a ocupar o campo de ataque, obrigar o Grêmio a dar chutões, mas só conseguia algum perigo com chutes de fora da área e bolas alçadas para a área.

E o Grêmio não criava nada, até os 29 minutos da etapa complementar, em que, num chutão, Elkeson fez o pivô e segurou a bola, passando para Guilherme. Este coloca Biel na cara do gol para chutar forte e ampliar o placar.

Ainda nos acréscimos, em escanteio cobrado, o zagueiro João Victor sobe mais que a defesa e cabeceia forte no canto direito do goleiro Brenno para descontar e dar números finais à partida.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top