Fortaleza

Em meio a momento de oscilação, Tinga pede Fortaleza ‘mais eficiente’

(Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza EC)

O Fortaleza vive o momento de maior oscilação desde a chegada do treinador Juan Pablo Vojvoda, em maio deste ano. O Leão do Pici não sente o sabor da vitória há seis jogos (4 empates e duas derrotas). Para sair da fase ruim, o zagueiro Tinga, em entrevista coletiva, diz que o Tricolor precisa ser mais eficiente no ataque:

– Já que todos os times estão estudando a gente, precisamos ser mais eficientes, principalmente no primeiro tempo. Se a gente sai na frente do placar em vários jogos, com certeza iriamos sair com a vitória. O adversário sairia mais e buscaríamos os contra-ataques. Então acho que precisamos ser um pouco mais eficiente quando chegar no último terço, ter um pouco mais de calma, confiança, tranquilidade e também personalidade para fazer o individual – disse Tinga

LEIA MAIS SOBRE O FORTALEZA

+Fortaleza perde a primeira como mandante na Série A; Leão tinha duradoura invencibilidade em casa na temporada

+Vojvoda vê equipe confiante para a Copa do Brasil e afirma: ‘O Fortaleza conseguiu o respeito do futebol brasileiro’

+Início do segundo turno, avaliação da comissão técnica, volta da torcida e campanha no Aspirantes; confira os assuntos abordados por Marcelo Paz no programa ‘Tudo em Paz’

Depois de nova derrota no Campeonato Brasileiro, o Fortaleza vira a chave e volta o foco para o duelo contra o São Paulo. Tinga assume que o momento atual do tricolor não é bom, mas ressalta que na Copa do Brasil a história tem sido diferente. O zagueiro acredita que, por jogar em casa, o time cearense tem “totais condições” de se classificar:

– A gente sabe que o nosso momento não é muito bom, mas na Copa do Brasil está sendo muito bom. Então a gente vira a chave. Tudo que foi no Brasileiro, a gente esquece e tenta só passar as coisas boas da Copa do Brasil. Sabemos que o jogo vai ser muito difícil, mas estamos na nossa casa e temos totais condições de fazer um grande jogo, e conseguir a classificação – destaca Tinga.

Marcado pelo estilo de jogo ofensivo, Tinga destaca que o Fortaleza vai continuar jogando “para frente”, independente dos resultados. Entretanto, para o duelo diante do São Paulo, pela Copa do Brasil, o zagueiro prega cautela, e assume que, se o Leão sair na frente, passará a jogar explorando os contra-ataques:

– Não vai mudar. O nosso jeito de jogar vai ser sempre para frente, independente de estar perdendo ou ganhando, a gente vai jogar para frente. Mas sabemos que é uma Copa do Brasil, então se a gente sair na frente, com certeza vamos recuar um pouquinho e esperar o adversário sair. Mas a gente vai fazer de tudo para atacar o adversário ao máximo para conseguir fazer um gol no começo do jogo, para dar um pouco de calma. Se não der, vamos atacar até o final do jogo – analisa Tinga.

Para ficar por dentro de tudo que acontece no Fortaleza, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Caso se classifique na quarta-feira (15), o Fortaleza atingirá uma marca inédita na história do clube. O Leão do Pici busca chegar pela primeira vez em uma semifinal de Copa do Brasil. Por isso, Tinga classifica o duelo diante do São Paulo como uma das partidas “mais importantes” da temporada:

– É uma das partidas mais importantes. Vai significar tudo para o clube, para nós jogadores, para o técnico, porque o Fortaleza nunca chegou em uma semifinal. Então acho que marcar o nosso nome na história, mais uma vez, vai ser importante. Só tem um jogo, é uma vitória, então não tem nada impossível de se fazer – finaliza Tinga.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top