Bahia

Em Salvador, Grupo City define valor para compra do Bahia

FOTO: DIVULGAÇÃO/BAHIA

O Bahia está mais perto para se transformar em SAF (Sociedade Anônima do Futebol). O Grupo City definiu o valor da compra do clube e pretende desembolsar cerca de R$ 700 milhões (111,21 milhões de libras esterlinas na cotação atual) na operação para a aquisição do clube. A informação foi dada inicialmente pelo “Goal”.

Representantes do Grupo City estão em Salvador para conhecer a estrutura do Bahia. Eles visitaram o centro de treinamentos do clube e a Arena Fonte Nova, na tarde desta quarta-feira. As negociações vão acontecer nesta semana. O negócio é intermediado pelo agente Paulo Pitombeira, que receberá 5% da transação, cerca de R$ 35 milhões, por causa da intermediação do negócio.

Essa não foi a primeira vez que membros da diretoria do Bahia e representantes do Grupo City se encontram presencialmente. No início de abril, o presidente tricolor, Guilherme Bellintani, esteve em Manchester, na Inglaterra, para acertar detalhes do acordo. 

Assim que receber a proposta, o Bahia deve encaminhar o documento para o Conselho Deliberativo, e uma Comissão montada para estudar o assunto vai formar o parecer. Em seguida, os sócios vão decidir, em assembleia, se aprovam ou não que o clube se torne Sociedade Anônima de Futebol (SAF).

Ao todo, o Grupo City conta com 10 clubes, incluindo o de Manchester. Além da equipe inglesa, há ainda: Montevideo City Torque (Uruguai), Troyes (França), Lommel (Bélgica), Girona (Espanha), Mumbai City (Índia), Sichuan Jiuniu (China), Yokohama Marinos (Japão), Melbourne City (Austrália) e New York City (Estados Unidos).

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top