Fortaleza

Enderson Moreira chega ao Fortaleza com a missão de encontrar o equilíbrio entre o ataque e a defesa

(Foto: divulgação/Fortaleza EC)

Oficializado nessa quinta-feira (07), como o novo treinador do Fortaleza, Enderson Moreira não terá vida fácil na equipe cearense. O técnico, de cara, já tem uma difícil missão para cumprir: recuperar o poder ofensivo da equipe. A deficiência no ataque sem sido o principal “calcanhar de aquiles” do Leão do Pici, já que a defesa tem ido bem no Campeonato Brasileiro.

LEIA MAIS| Fortaleza anuncia contratação do técnico Enderson Moreira

Conhecido por ser um time letal e com transições rápidas em 2019, quando o treinador ainda era Rogério Ceni, em 2020 o Fortaleza passou a ser um time com maior consistência defensiva. Entretanto, o equilíbrio entre os dois setores ainda não conseguiu ser atingido na atual temporada. Enquanto o Leão possui a terceira melhor defesa competição, o ataque é o segundo pior.

Nesta mesma 29ª rodada do Campeonato Brasileiro de 2019, o Leão do Pici havia marcado 34 tentos e sofrido 39 gols. Já na atual temporada, nessa mesma parte da competição, o Fortaleza balançou as redes apenas 24 vezes e sofreu 26 gols. Números que mostram uma boa evolução defensiva, mas ao mesmo tempo, uma queda de rendimento ofensivo.

Dessa forma, Enderson Moreira, que já deve estar à frente da equipe contra o Grêmio, neste sábado (09), na Arena Castelão, tem a missão de conseguir encontrar o ponto de equilíbrio entre o ataque e a defesa do Fortaleza.

Para ficar por dentro de tudo que acontece no Fortaleza, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Clique para comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top