Futebol Internacional

Eriksen coloca o Manchester United como prioridade, diz jornal

Foto: Divulgação/Brentford

O meia dinamarquês Christian Eriksen não deve mesmo permanecer no Brentford visando a próxima temporada do futebol europeu. Depois de seis meses vinculado ao clube, aonde disputou 11 partidas, marcou um gol e deu quatro assistências, o jogador está em busca de novos desafios. De acordo com o jornal inglês “The Mirror”, Eriksen já teria colocado o Manchester United como prioridade, aguardando agora as movimentações para aceitar se juntar ao clube.

Nesse retorno ao futebol após o problema cardíaco que teve em junho do ano passado, Eriksen conseguiu mostrar qualidade e inclusive retornou às convocações da seleção da Dinamarca. Além da proposta de renovação do Brentford, a imprensa do Reino Unido apontou que clubes como Leicester, Everton, Tottenham e Newcastle se aproximaram buscando um acordo com o meia de 30 anos.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Eriksen, no entanto, acredita que uma saída para o Manchester United poderá ser mais positiva neste momento. O jogador tem buscado atuar com maior frequência e em alto nível para ter chances de também disputara a Copa do Mundo do Catar, que terá início em novembro. Os primeiros contatos do clube com os representantes do jogador já aconteceram, mas nenhuma negociação foi finalizada.

O dinamarquês quer ter a chance em um clube que dispute as primeiras colocações da Premier League e também aonde possa ter chances frequentes no time principal. O técnico Erik ten Hag, novo treinador do Manchester United, também já teria acenado de maneira positiva para a possível contratação de Eriksen. Apesar disso, o jogador ainda está observando as movimentações.

O Manchester United está ativo no mercado de transferências e a reformulação da equipe em busca de melhores resultados passa pela chegada de novos jogadores. Se o clube optar pela contratação de muitos jogadores que fazem a mesma função de Eriksen, o jogador poderá tomar outro destino na carreira. Caso contrário, o dinamarquês deve acertar para reforçar a equipe.

O certo neste momento, de acordo com a imprensa do Reino Unido, é que a passagem do jogador pelo Brentford chegou oficialmente ao fim. Sem renovar o vínculo, que se encerra no final deste mês, Eriksen se tornará um jogador livre no mercado, podendo assinar a custo zero com qualquer outra equipe. A tendência é que Eriksen permaneça na Premier League, que autoriza o uso de cardiodesfibriladores implantáveis (CDI) por atletas da elite. Eriksen faz uso do dispositivo desde o problema cardíaco.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top