Vôlei

‘Estou muito feliz’, conta Marcelo Negrão após estreia no Paulista

(CRÉDITOS: Amanda Demétrio/SESI-SP)
— Continua depois da publicidade —

Depois da derrota para o Vôlei UM Itapetininga, na última sexta-feira (11), pela primeira rodada do Campeonato Paulista, o técnico da equipe, Marcelo Negrão, e o capitão e ponteiro Murilo comentaram sobre a estreia do Sesi-SP no campeonato.

Para o técnico, a volta do voleibol será um desafio para todos os times e, principalmente, para o Sesi. Depois da diminuição dos investimentos no projeto, a equipe renovou apenas com um atleta veterano, o agora ponteiro Murilo, que estava jogando de líbero há três temporadas. O resto do time é todo oriundo das equipes de base.

“Nós estávamos esperando justamente esse início de confrontos para conseguirmos estudar ainda mais a nossa própria equipe. Depois de seis meses parados e sem nenhum jogo, nenhuma pré temporada antes do início das competições, era esperado alguns erros. Estou muito feliz com muita coisa que eu vi dentro de quadra hoje”, comentou o técnico Marcelo Negrão.

Já o capitão e ponteiro Murilo, falou sobre sua adaptação para o ataque depois de três temporadas como líbero do Sesi-SP. Para o capitão, a confiança ainda não está 100% mas melhorará com o tempo.

“Fazia tempo que eu já vinha sentindo essa vontade de jogar como ponteiro novamente. Eu vinha sempre olhando meus exames, sentindo, para tentar voltar e por enquanto, deu certo. Foi gostoso, fazia tempo que eu não terminava uma partida cansado do pique no jogo todo, porque na posição de líbero a gente fica entrando e saindo. Vamos ver como será daqui para frente, ainda sinto quando vou sacar, tenho um pouco de receio do movimento, mas está legal”, contou Murilo.

O próximo jogo do Sesi-SP pelo Campeonato Paulista será contra o Vôlei Renata Campinas, no dia 23 de Setembro, às 18h, em Campinas. O Renata venceu sua partida de estreia contra o Vendacit/Vôlei Guarulhos.

Siga os perfis do Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo