Coritiba

Eficiência nos pênaltis, boa fase e identificação com o Coritiba; ENM bate um papo com zagueiro Sabino

Foto: Divulgação/Coritiba

POR BRENO ANTUNES E GIULIA MAIA

Referência na defesa – e até mesmo no setor ofensivo -, Sabino é o destaque do Coritiba no Campeonato Brasileiro. O Esporte News Mundo conversou com o jogador com exclusividade sobre a sua boa fase. Aos 23 anos de idade, o zagueiro é duplamente decisivo: além de ser um defensor consistente, é um cobrador de pênaltis experiente.

— Ele é aquele cara que espera realmente até o último momento e se o goleiro fica parado, é impossível do goleiro pegar a sua batida no canto, porque é basicamente na ‘bochecha da rede’ mesmo, é do lado de fora. É muito difícil pegar o pênalti dele -, comentou Jorginho, técnico recém-chegado no Coritiba depois de deixar o time na temporada de 2019. 

Batizada de “quase dá”, a cobrança singular de Sabino ganhou esse apelido porque, na linguagem dos jogadores, “quase dá” para o goleiro pegar o pênalti, mas ele não defende.

– A vantagem dessa cobrança é que estou sempre de olho no goleiro. É necessário ser bem cobrado, porque se o goleiro sair antes. eu viro o pé e desloco na finalização -, disse o zagueiro.

A importância de converter penalidades máximas é evidenciada na tabela do Brasileirão: as duas vitórias do Coxa no campeonato – sobre o Bragantino por 2 a 1, e Sport por 1 a 0 – tiveram participação do Sabino no placar. Já são quatro gols do zagueiro na temporada – três de pênalti -, e dos últimos cinco gols do time, ele marcou três. O jogador é o vice-artilheiro do time no ano, está atrás apenas de Robson, com cinco gols.

DUPLA ENTROSADA

Outra peça do Coritiba conhece o zagueiro coxa-branca de perto. Dos sete gols sofridos pelo time no Campeonato Brasileiro, nenhum deles foi pelo lado esquerdo da defesa. Isso é fruto da importante parceria entre Sabino e o lateral-esquerdo William Matheus.

Os dois jogadores estão envolvidos em todos os quatro gols do Coxa no Campeonato Brasileiro: o zagueiro balançou as redes duas vezes, e o lateral deu duas assistências. Sabino destaca a experiência do companheiro de equipe:

— É um jogador rodado. Quando junta experiência com juventude, dá nisso. Mas 50% dos bons jogos que eu faço defensivamente, o mérito também vai para o Willam, que sempre está me orientando. O nosso dia a dia é de bastante risada e parceria!

SAÍDA DE BOLA

Um dos fatores de mais destaque de Sabino é na saída de bola. No Campeonato Brasileiro, é o jogador que mais tocou na bola e o que mais acertou passes pelo Coritiba. Em média, são 65 toques na bola e 43 passes certos por partida. Os dados iniciais são do SofaScore. O defensor destacou a sua evolução ao longo do tempo no fundamento.

— Comecei a desenvolver isso no Santos, com o Marcos Soares, meu treinador no Sub-20. De lá pra cá, venho aprimorando diariamente e tenho a agradecer ao Professor Mozart, que me ensina bastante coisa defensiva, entre elas, saída de bola. Sem sombra de dúvidas, aqui no Coxa eu trabalhei com excelentes profissionais, que sempre tentaram extrair o máximo do meu futebol -, declarou o atleta.

PASSAGEM PELO COXA

Sabino pertence ao Santos, e está emprestado ao alviverde desde 2019. São 62 jogos disputados com a camisa do Coritiba, marcou o seu 9º gol no último domingo. Curiosamente, na estreia de Jorginho pelo Coxa, em 2019, Sabino também marcou o gol da vitória. Na ocasião, o jogo acabou em 2 a 1, com o zagueiro marcando o segundo de pênalti.

O time do Alto da Glória, para Sabino, carrega um peso emocional. – Me sinto honrado e feliz por ter tantos jogos assim em clube da grandeza do Coritiba. Espero ter muito mais jogos com essa camisa. Criei uma identificação e respeito por esse clube e por essa torcida, que me abraçaram de uma maneira incrível. Minha gratidão será eterna!

Com o gol de Sabino, o Coxa saiu da zona de rebaixamento. Foto: Divulgação/Coritiba

Segundo o jornalista Nadja Mauad, a janela para que o Santos pedisse a volta de Sabino ia até 14 de julho, portanto o período se encerrou. A único forma do jogador sair do clube seria se o Peixe vendesse o zagueiro. Nesse caso, o Coritiba ficaria com 20% do valor da venda.

ESTATÍSTICAS DA TEMPORADA

Em 2020, Sabino tem sido o jogador mais regular da equipe do Coritiba. Ao longo das 6 partidas, não recebeu nenhum cartão. Na média do Brasileirão, sofre apenas 0.5 dribles e comete 0.5 faltas em cada partida. Além disso, consegue 1 interceptação, vence 4.3 disputas de bola e finaliza 0.7 vezes em cada jogo.

Após o jogo contra o Sport, o técnico Jorginho rasgou elogios ao jogador:

– Se ele se concentrar, der o melhor dele e realmente persistir, eu posso dizer pra você que ele é um jogador a nível de Seleção -, disse o treinador. 

Na partida contra o RB Bragantino, Sabino foi o destaque do Coxa e apareceu como um dos zagueiros da seleção do Campeonato. 

Para saber tudo sobre o Coritiba, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top