Futebol Internacional

Fim da linha: Barcelona anuncia demissão de Ronald Koeman

Ronald Koeman Barcelona
(Photo by Angel Martinez/Getty Images)

O Barcelona enfim anunciou que Ronald Koeman não é mais técnico da equipe. Após desavenças com a diretoria, o treinador teve que conviver há semanas com boatos sobre a sua saída. As derrotas na Champions League e o começo ruim na LaLiga fizeram que com o holandês ficasse ainda mais pressionado no cargo. O revés diante do Rayo Vallecano por 1 a 0 foi o estopim para a queda do treinador.

Ronald Koeman chegou ao Barcelona em agosto de 2020 no início da temporada anterior. Com um time já prejudicado financeiramente, o treinador encontrou problemas para manter o elenco e encontrar peças de reposição para aumentar o nível do plantel. Sem forças para brigar pela LaLiga, o Barça acabou terminando em terceiro na temporada passada, caiu nas oitavas de final da Champions League para o PSG, mas teve o alento de vencer a Copa do Rei.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Para esta temporada, Koeman viu a situação complicar de vez. Com Messi saindo para o time francês, um Barcelona enfraquecido, endividado e sofrendo durante o processo de renovação ficou ainda mais vulnerável para goleadas, derrotas amargas e problemas em campo. Mesmo com contratações, a saída de jogadores de peso como Luis Suarez, a troca de Griezmann e as finanças que culminaram em redução drástica na folha salarial apenas contribuíram para que o momento ruim fosse ampliado.

Ao todo, Ronald Koeman esteve em 67 partidas pelo Barcelona com 40 vitórias, 11 empates e 16 derrotas. Sem ele, o clube catalão irá em busca de um novo treinador para guiar o projeto da reestruturação do elenco, mas sabe que encontrará dificuldades em um técnico que aceite a proposta e tente combater os desafios diários da equipe. De acordo com a imprensa espanhola, Xavi Hernandez, Roberto Martínez e Andrea Pirlo são três nomes que agradam o presidente Joan Laporta.

Sem Koeman, o Barcelona segue buscando um rumo na temporada. Com duas derrotas e uma vitória em três jogos na Champions League, o time catalão é o lanterna do grupo e viu o Bayern disparar com nove pontos. Na LaLiga, o Barcelona está em nono com seis pontos atrás do líder Real Madrid e já vê de longe outras equipes abrirem vantagem tanto em organização quanto em pontuação.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top