Futebol americano

Com veteranos em dia ruim, Ravens vencem Colts e Bills atropelam Seahawks

Ravens
Shawn Hubbard/Baltimore Ravens

O Baltimore Ravens deu a volta por cima após a derrota para os Steelers na última semana. Diante dos Colts, a franquia de Maryland não teve muito trabalho e venceu o confronto por 24 a 10 jogando no Lucas Oil Stadium.

Apesar de um primeiro tempo abaixo, os Ravens cresceram na etapa final e ainda contaram com um grande apagão de Philip Rivers. O veterano sofreu com a pressão da defesa de Baltimore e não teve a pontaria calibrada para ajudar seus companheiros após uma boa sequência na temporada.

ATAQUES EM DIA RUIM E DEFESAS SUPREMAS

Diante de ataques produtivos na NFL, os torcedores de Ravens e Colts esperavam algo a mais dos seus times no primeiro tempo. Com um início burocrático para cada lado, as defesas conseguiram forçar oito punts em 11 campanhas. Indianapolis até começou melhor com um touchdown, mas não soube aproveitar o momento e um fumble no meio de campo proporcionou um retorno de Baltimore para a endzone.

Apesar da situação ruim, os Colts ainda conseguiram ir para o intervalo com um field goal no último minuto. Mesmo assim, os Ravens tiveram no jogo terrestre as melhores oportunidades com Lamar ainda em ritmo mais lento. Do outro lado, Darius Leonard era o principal nome do time na defesa em busca de frear qualquer avanço de Baltimore.

RIVERS E COLTS SONOLENTOS E SITUAÇÃO PERFEITA PARA LAMAR

As duas equipes começaram errando no segundo tempo, mas a diferença foi que Baltimore soube se recuperar no duelo. Logo na primeira campanha, os Ravens caminharam bem, mas sofreram um fumble na redzone. O turnover que poderia abalar os visitantes rapidamente mudou de lado com uma interceptação de Philip Rivers no campo de ataque.

Os Ravens aproveitaram o momento e anotaram dois touchdowns seguidos para deixar a situação complicada para os Colts. Para piorar, Indianapolis sofreu sem um jogo terrestre e ainda viu a defesa de Baltimore aniquilar as opções de passes de Rivers e pressionar o quarterback. Com isso, o duelo aos poucos foi sendo fechado com um fim ruim para os mandantes que tiveram 30 minutos para esquecer.

SEAHAWKS EM DIA DESASTROSO

O Seattle Seahawks sofreu um baque diante do Buffalo Bills. Jogando fora de casa, a franquia viu Russell Wilson ter um primeiro tempo ruim e um segundo com erros cruciais para o duelo. Enquanto isso, os líderes da AFC Leste tiveram Josh Allen jogando em grande nível e passar das 400 jardas lançadas.

Além do excelente jogo ofensivo, a defesa de Buffalo merece um grande destaque. Com duas interceptações, os jogadores dos Bills ainda forçaram dois fumbles que foram recuperados e convertidos em pontos. O triunfo ainda alivia a pressão sobre a franquia que vinha de bons resultados, mas exibições ruins que colocavam em xeque uma maior expectativa para a equipe.

RODADA DAS 15H

Denver Broncos 23×34 Atlanta Falcons

Seattle Seahawks 34×44 Buffalo Bills

Chicago Bears 17×24 Tennessee Titans

Baltimore Ravens 24×10 Indianapolis Colts

Carolina Panthers 31×33 Kansas City Chiefs

Detroit Lions 20×34 Minnesota Vikings

New York Giants 23×20 Washington Football Team

Houston Texans 27×25 Jacksonville Jaguars

DESTAQUES DO JOGO

Baltimore Ravens: Lamar Jackson (19 de 23 passes completados, 170 jardas e 1 touchdown terrestre) e Nick Boyle (4 recepções e 46 jardas).

Indianapolis Colts: Philip Rivers (25 de 43 passes completados, 227 jardas e 1 interceptação) e Michael Pittman Jr., (4 recepções e 56 jardas).

Siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top