Campeonato Brasileiro

Fortaleza é a equipe menos vazada do Campeonato Brasileiro Série A

Foto: Leonardo Moreira/Fortaleza EC

A 12ª rodada do Campeonato Brasileiro Série A 2021 encerra-se na noite desta segunda-feira (19). No entanto, mesmo antes do seu fim, o Fortaleza, que, no sábado (17), venceu o São Paulo por 0x1 no Morumbi, já pode dizer que ostenta uma marca digna de comemoração. Isso porque o Leão possui a melhor e menos vazada defesa de toda a primeira divisão nacional.

+ LEIA MAIS | Vojvoda elogia postura dos atletas do Fortaleza na vitória diante do São Paulo: ‘Equipe teve personalidade’

Empatado com Flamengo e Atlético-GO como melhores defesas do Brasileirão antes do início da atual rodada, o Fortaleza, que não sofreu gols diante do São Paulo, viu o rival carioca vencer por 0x5 e o adversário goiano ser goleado por 0x3. Dessa forma, com apenas nove gols sofridos em 12 jogos, o Tricolor do Pici possui, ao lado do Flamengo, que tem dois jogos a menos, a marca de time menos vazado da competição nacional.

Além da melhor defesa, o Fortaleza é dono, também, do segundo melhor saldo de gols do Campeonato Brasileiro, sendo superado apenas pelo líder Palmeiras, que goleou o Atlético-GO e, por um tento, superou o saldo de +11 do Leão.

+ Para ficar por dentro de tudo que acontece no Fortaleza, siga o Esporte News Mundo no Twitter, no Facebook e no Instagram.

O bom saldo do Tricolor do Pici é muito em vista, também, do seu ataque goleador. Se, na defesa, o Fortaleza lidera o Brasileiro, no ataque, o Leão frequenta sua atual posição na tabela, tendo, dessa forma, o terceiro melhor setor ofensivo da primeira divisão. Com 20 gols marcados, o time cearense é superado apenas por Palmeiras e RB Bragantino, ambos com 24 bolas na rede.

O Fortaleza volta a campo no próximo domingo (25) para enfrentar, às 16h, na Arena Castelão, o próprio RB Bragantino, atual quarto colocado do Campeonato Brasileiro e que tem, ainda, os mesmos 24 pontos do Leão, em confronto direto por uma vaga assegurada no G4.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top