e-Sports

Free Fire: equipes da Fluxo e Loud embarcam para mundial em Singapura

Campeã e vice-campeã da Liga Brasileira de Free Fire, as equipes da Fluxo e Loud embarcaram para Singapura, na Ásia, neste domingo (2). Jogadores e comissão técnica enfrentarão o primeiro campeonato mundial do game deste ano, o Free Fire World Series 2021, da Garena. Na competição, os times brasileiros disputarão presencialmente o título de US$ 500 mil (cerca de R$2,7 milhões) com outras 16 equipes.

A FFWS 2021 só começa no próximo dia 22 de maio, mas, em decorrência das regras de combate à covid-19, todos os membros terão que fazer o teste PCR para detectar infecção pelo vírus ao chegarem no país, além do isolamento de 14 dias.

No total, o campeonato distribuirá US$2 mi (aproximadamente, R$11 milhões). A princípio, a disputa pelo título de melhor equipe do mundo seria entre 22 times, mas devido ao cenário de pandemia da covid-19, quatro equipes foram vetadas: Galaxy Racer e Team Elite, da Índia; Team Riot, de Bangladesh; Team TG, do Paquistão. Com a tendência de baixa no número de óbitos por dia, o Brasil seguiu com as duas equipes.

A primeira fase é a chamada “Play-in”, na qual 12 equipes fazem o mata-mata por duas vagas na final. Serão seis quedas, jogadas nos mapas Purgatório, Bermuda e Kalahari. A Loud jogará a disputa no dia 22. Pelas redes sociais, os brasileiros mostraram empolgação no embarque. O head coach Marcos Frois compartilhou há pouco a chegada da equipe no Catar, onde eles aguardam o próximo voo, amanhã (4).

Equipe da Loud embarca em São Paulo com destino à FFWS 2021 (Reprodução/Loud)

Já a campeã brasileira Fluxo, time de Nobru e Cerol, entra no campo de batalha direto no dia 29 de maio, na final. Os jogadores também postaram a concentração animada em busca do prêmio, junto com os colegas da Loud, rivais na competição. Acompanhados de Nobru, a Fluxo também aguarda o próximo avião, com destino à Singapura.

Mesmo sem ir na viagem, Cerol declarou a torcida pelos companheiros no Instagram

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top