Corinthians

Goleiro chileno ex-Corinthians aconselha Araos: ‘Volte às suas origens’

Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

O meia Ángelo Araos vive um momento complicado no Corinthians. Depois de ganhar sequência de oportunidades no começo do Campeonato Brasileiro, o chileno perdeu espaço. Com as aquisições de Rómulo Otero e Juan Cazares, dois estrangeiros, as vagas ficaram ainda mais limitadas. Em entrevista ao diário AS do Chile, Johnny Herrera, goleiro com passagem pelo Corinthians, deu conselhos ao compatriota.

Herrera esteve no lugar de Araos em seu tempo no Parque São Jorge. Comprado pelo Corinthians em 2006, vindo da Universidad de Chile, o goleiro era titular, mas perdeu espaço justamente pelo limite de estrangeiros. Na época, eram permitidos apenas três – hoje, cinco.

Mesma história de Araos

Ao AS, Herrera recorda a perda de espaço no Corinthians: “Me lembro que me chateou muito, porque estava jogando e era titular”. O goleiro chileno foi sacado do time porque deram preferência a outros três estrangeiros: o zagueiro Sebstián Domínguez, o volante Javier Mascherano e o atacante Carlos Tévez.

– Lembro de ter jogado e vencido a [Universidad] Católica, depois joguei o Paulista e a primeira rodada do Brasileirão, contra o Grêmio. No outro dia, o dono fala comigo e me explica que não seguiria jogando pelo limite de estrangeiros, e que também tinham comprado outro goleiro, o Sílvio Luiz.

O momento de Araos se assemelha. O meia não vinha sendo titular como Herrera era à época, mas perdeu muito espaço e não está mais sendo relacionado para as partidas. O goleiro, hoje no Everton Viña, do Chile, recomenda que ele “volte às suas origens e suas raízes”. “Nós na U [Universidad de Chile] o tratamos muito bem, deixou grandes recordações aqui”, completou.

Para ele, o meia deve reencontrar seu futebol e sugeriu que la U seria um bom caminho. “Espero que possa voltar e se encantar novamente”, disse Herrera. Ainda assim, não descarta que ficar no Brasil seja uma boa opção: “Se tiver como ir a uma equipe que não tenha problemas com limite de estrangeiros, que fique e lute pela sua posição. É um ótimo jogador”.

Tímido no Corinthians

O meia é conhecido por ser um jogador tímido, e Herrera confirma: “Era muito, mas quando o professor Guille o pegou, lhe deu toda a confiança”. O arqueiro relembra que Araos era, se não o melhor, um dos três melhores jogadores da Universidad de Chile.

Araos já passou por empréstimo pela Ponte Preta, de outubro a dezembro de 2019. Revelado pelo Antofagasta, em 2016, foi comprado por la U dois anos depois, por pouco menos de 70 mil euros. Seis meses depois, foi emprestado ao Corinthians e comprado subsequentemente por 4.4 milhões de euros.

No fim de outubro, o Colo-Colo, antigo interessado em Araos, era vinculado com o jogador. À época, a reportagem do Esporte News Mundo apurou que o meia não sairia do Corinthians. O chileno tem contrato com o clube paulista até 2023.

Para saber tudo sobre o Corinthians, siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitter Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top