Guarani

Guarani ainda não acertou rescisão de Osmar Loss; veja valor da dívida

Guarani ainda não acertou rescisão de Osmar Loss; veja valor da dívida
Crédito: David Oliveira / Guarani FC

Conselho de Administração do Guarani tem dívida pendente com Osmar Loss no valor de R$ 237.292,80 por rescisão contratual em março de 2019.

Demitido pelo ex-presidente Palmeron Mendes Filho, treinador ainda não teve processo resolvido na Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD).

+ Em treino, Aal define Guarani para enfrentar o Novorizontino; veja escalação

Contratado para substituir Umberto Louzer, comandante esteve à frente do Bugre em 12 partidas, com quatro vitórias, dois empates, seis derrotas e 38,9% de aproveitamento.

Neste período, amargou eliminação vexatória diante do Avenida, na primeira fase da Copa do Brasil.

Apesar de triunfos em cima de Corinthians, no Brinco de Ouro da Princesa, e São Paulo, no Pacaembu, acabou demitido após derrota contundente diante da Ponte Preta no Dérbi 193, no Moisés Lucarelli, pelo placar de 3 a 0 – vínculo válido entre as partes era até o fim de 2019.

Em janeiro de 2020, Loss, por meio da assessoria de imprensa, emitiu o seguinte comunicado: ‘O Guarani pagou apenas duas parcelas do combinado. Estes assuntos são particulares. A única coisa que posso falar é que está atrasado desde julho”.

O clube, por sua vez, nunca se pronunciou sobre o valor exato da multa rescisória, porém totaliza montante de R$ 1.987.031,73 de contingências na CNRD.

As cifras milionárias vieram à tona a partir do ano passado e foram apresentados aos associados em balancete nesta semana.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top