Guarani

Guarani tem dívida de R$ 498 mil com Santos por empréstimo de atletas

Guarani tem dívida de R$ 498 mil com Santos por empréstimo de atletas

Conselho de Administração do Guarani tem dívida vigente junto ao Santos relativa aos empréstimos de Diego Cardoso, Matheus Oliveira e Rafael Longuine, na gestão de Palmeron Mendes Filho, entre 2018 e 2019.

Bugre entrou em acordo com Peixe para quitar R$ 498.347,62 em 24 parcelas.

+ Davó pede Guarani focado no Novorizontino: ‘Encaminhar classificação’

Alviverde definiu pagamentos iguais de R$ 20.764,48, no decorrer de duas temporadas, de março de 2021 até fevereiro de 2023.

A ação é uma das quatro que o time campineiro tem na Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD), onde algumas pendências trabalhistas são resolvidas.

Artilheiro do elenco em 2019, Diego Cardoso teve passagem positiva pelo Brinco de Ouro da Princesa e marcou 11 gols em 32 partidas.

Ex-camisa 9, atualmente na reserva do São Caetano, é criado nas categorias de base da Baixada Santista, porém não tem mais vínculo como Alvinegro.

Hoje no Atlético-GO, Oliveira foi anunciado pelo Guarani para disputa da Série B do Campeonato Brasileiro.

O meio-campista foi à rede em duas oportunidades – Figueirense e Sampaio Corrêa -, até deixou o clube ao fim do empréstimo, subir a avenida e fechar com a Ponte Preta.

Com status de goleador em 2018, Longuine, recuperado de grave lesão no ligamento do joelho, é o único com contrato válido junto ao Santos.

Em Campinas, armador anotou dez gols em 34 jogos, sendo peça fundamental no esquema tático de Umberto Louzer – depois também foi para Macaca.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top