Campeonato Brasileiro - Série B

Guarani vê vantagem no placar ser revertida nos acréscimos e perde para o Confiança; veja as notas

Foto: Thomaz Marostegan/Guarani FC

Guarani e Confiança se enfrentaram na última sexta-feira (22), no Estádio Brinco de Ouro, em partida válida pela 31ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. Apesar de ostentar uma vantagem durante a maior parte do duelo, o Bugre sofreu a partir da expulsão de dois de seus jogadores e viu o revés ser consolidado pela placar de 2×1. Com a derrota, a equipe de Daniel Paulista ainda se mantém, momentaneamente, na sétima colocação, com 46 pontos.

PRIMEIRO TEMPO

Ao contrário do que foi apresentado na maioria da primeira etapa, a partida se iniciou com um ritmo acelerado. Antes do primeiro minuto, o clube campineiro já foi capaz de finalizar em direção ao gol de Rafael Santos, a partir de uma cabeçada de Bruno Sávio que saiu pela linha de fundo. Em um rápido contra-ataque, quem deu sequência ao lance foi o Confiança, que aproveitou um vacilo da defesa bugrina para anotar sua primeira finalização, também através de uma cabeçada, mas que foi defendida pelo arqueiro alviverde.

Após a primeira movimentação de ambas as equipes, o jogo passou a se mostrar menos fluído, com a criação de jogadas sendo substituída pela marcação forte. A próxima grande chance da partida surgiu somente aos 33 minutos, quando Bruno Sávio por pouco não acertou o alvo após um bom passe de Régis. A insistência do camisa número 11 finalmente foi recompensada nos minutos finais da etapa; pouco antes do apito final, Diogo Mateus foi derrubado na área sergipana e, após conferência do VAR, Bruno Sávio pôde inaugurar o placar para os donos da casa.

SEGUNDO TEMPO

Se afastando do movimentado final da primeira etapa, o segundo tempo se iniciou de forma lenta, sem perigos oferecidos nos primeiros dez minutos. Quem tomou a iniciativa das finalizações foi o Dragão, mas sem sucesso no quesito de pontaria, já que a cabeçada de Rafael Vila passou por cima da meta de Rafael Martins. Logo em seguida, foi a partir do 18º minuto que o Guarani passou a perder o controle da partida; após uma disputa de bola no meio campo, Madson deu um tapa no ombro de Bruno Sávio, que revidou com um tapa no rosto do adversário e, após revisão do VAR, foi expulso da partida.

Com um jogador a menos e a vantagem no placar, o clube alviverde foi rápido em adaptar seu sistema de jogo para uma tática conservadora, totalmente recuado e buscando conter os perigos oferecidos pelo Confiança. Por alguns minutos, o sistema foi eficaz, complicando a vida do clube sergipano, que não se mostrou capaz de encontrar espaços para finalizar. Porém, foi a partir de uma segunda expulsão – agora acumulada pelo zagueiro Thales, após receber o segundo amarelo – que a vitória do Bugre se mostrou em xeque.

Com dois a menos por pouco mais de nove minutos, o Guarani viu seu adversário crescer na partida e, assim, chegar mais perto da meta defendida por Rafael Martins. Já perto dos acréscimos, Bruno Silva foi responsável por derrubar Neto Berola na área bugrina, gerando o pênalti que igualou o placar do duelo, através dos pés do próprio Berola. Desesperado para ouvir o apito final, o Bugre seguiu sendo pressionado pelos visitantes, até que sua barreira foi quebrada por Willians Santana, que acertou um forte chute para estufar a rede adversária e, assim, consolidar a virada do Confiança.

Para saber de tudo do GUARANI, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

NOTAS

Rafael Martins: 6

Diogo Mateus: 7

Ronaldo Alves: 6,5

Thales: 5

Bidu: 6,5

Bruno Silva: 6,5

Rodrigo Andrade: 6,5

Régis: 7

Bruno Sávio: 5,5

Júlio César: 7

Todinho: 6,5

SUBSTITUIÇÕES

Pablo Diogo: 6

Andrigo: 6

Índio: 6,5

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top