Esportes olímpicos

Guilherme Costa é o primeiro nadador classificado para os Jogos Olímpicos de Tóquio

Natação, Seletiva Olímpica, Tóquio2020, Guilherme Costa
Foto: Sátiro Sodré

Guilherme Costa, conhecido como Cachorrão, é o primeiro nadador a conquistar uma vaga para o Brasil nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O atleta do Minas Tênis Clube e recordista Sul-americano nadou a prova de 400m livre abaixo do índice estabelecido de 3m46s.78, fazendo um tempo de 3m45s85 e quebrando o próprio recorde.

+Jogos Olímpicos de Tóquio 2020: saiba quais são as vagas confirmadas para o Brasil até agora

A prova teve início sem a credibilidade dos comentaristas e do público, já que no balizamento o nadador atingiu a marca de 3m53. As parciais do campeão, durante a prova foram de, 26:34, 54:35, 1:23.11, 1:51.86, 2:21.02, 2:49.84, 3:18.41 e 3:45.85, surpreendendo o telespectador. Seguido de Cachorrão, bateram Fernando Scheffer e Murilo Sartori, com 3:47.77 e 3:51.32 respectivamente, mas sem alcançarem a vaga olímpica.

O Cachorrão era uma aposta para compor o Time Brasil. Guilherme é campeão Pan-Americano dos 1500m, além de acumular os recordes Sul-Americanos de 1500m, 800m e 400m. Em março, o atleta venceu a prova de 10km na Seletiva Brasileira para o Campeonato Pré-OlÍmpico de Maratonas Aquáticas e garantiu vaga para disputar a prova em 30 de maio, no Japão. Nos Jogos do Rio 2016, o nadador não conseguiu o seu lugar, mas vai brilhar em Tóquio defendendo a seleção brasileira com o oitavo melhor tempo do ano.

— Sei que vai ser uma disputa totalmente diferente e eu vejo até como uma prova melhor para mim. Fui bem marcado aqui hoje, então foi difícil conseguir abrir. Acredito que na seletiva mundial teremos vários líderes e não vão me marcar tanto. A água vai ser mais gelada também, o que para mim é melhor. Hoje, estava bem quente e eu acho mais difícil — comentou o nadador sobre a competição no Japão, após a prova de 10km.

— Acho sim e era o que eu queria. Sabia que era o índice mais difícil. Acho que esse tempo dá pra garantir uma final em Tóquio – declarou Guilherme.

Siga o perfil do Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top