Campeonato Cearense

Guto Ferreira exalta a equipe e contesta arbitragem: ‘Mais uma vez teve interferência direta’

Foto: Reprodução/ Vozão TV

Ceará e Fortaleza se enfrentaram na Arena Castelão, em duelo válido pela final do Campeonato Cearense 2021. A partida terminou em um empate sem gols, que deu o título ao Fortaleza, que tinha a vantagem de jogar por um empate. Após a partida, o técnico Guto Ferreira concedeu entrevista coletiva e exaltou a atuação de sua equipe na partida:

“ Nós tivemos força de empurrar o nosso adversário para o campo dele. Se analisar, eles só deram um chute perigoso na nossa meta. Nós empurramos, fomos buscar e, enquanto futebol, criamos situações, mas houve certos momentos do jogo que teve luta livre, teve handebol e aí não tem como ultrapassar essas facetas do futebol. Quando é futebol, a gente consegue jogar, agora quando é luta livre, handebol, a gente não tem condições de jogar”.

Guto ainda aproveita da oportunidade para contestar a arbitragem de Rafael Traci e dos árbitros que estavam na cabine do Var:

Nós saímos muito bravos, porque nós fizemos próximo para estar com esse título, e mais uma vez a arbitragem teve interferência direta. O VAR chamando na hora que não tinha que chamar e na hora que tinha que chamar não chamou. Dois pesos, duas medidas. A gente não sabe nunca como é essa regra da mão na bola. Contra nós sempre tem, a nosso favor nunca tem”, finalizou.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top