Corinthians

Há dois jogos sem vencer, Corinthians recebe Ituano em sua Arena; titulares serão poupados

corinthians
Foto: Rodrigo Coca/Agência Corinthians

Após ficar só no empate contra o São Bento, o Corinthians terá mais um compromisso na Neo Química Arena. Neste domingo (18), às 22h, o Timão recebe o Ituano, em jogo válido pela sexta rodada do Paulistão, com a missão de interromper uma sequência de dois jogos sem vitória.

Após passar bom tempo liderando a classificação geral do campeonato, os dois resultados ruins levaram o Corinthians à terceira colocação, com 15 pontos somados, atrás de São Paulo e Red Bull Bragantino. Mesmo assim, a situação no Grupo A está tranquila: o segundo colocado, Santo André, tem apenas seis pontos.

+ Estatísticas mostram Cássio como destaque entre goleiros do Paulistão

Em meio a uma maratona de jogos, o Timão vem organizando um rodízio no seu elenco para evitar desgaste físico dos jogadores. Dessa vez, contra o Ituano, o time que vai a campo é o “B”, um time misto com os jogadores que enfrentaram a Ferroviária, na terça-feira, e perderam por 2 a 1.

Essa pode ser a última chance para os reservas colocarem uma pulga atrás da orelha de Vagner Mancini, antes da estreia na Sul-Americana. O Corinthians joga contra o River Plate-PAR na quinta-feira, e o treinador deve optar pelos atletas que se saíram melhor nas partidas pelo Paulistão.

Um dos principais nomes dessa maratona de testes, o camisa 7 Luan deve ser titular na noite de hoje. No último jogo, contra o São Bento, foi um dos destaques ao entrar na segunda etapa. Antes, contra a Ferroviária, apesar da derrota, foi o melhor do Corinthians em campo, dando assistência para o gol Camacho.

Com isso, a expectativa é que o Timão vá a campo com:  Cássio, João Victor, Jemerson, Raul Gustavo e Lucas Piton; Xavier, Camacho e Luan; Léo Natel, Jô e Otero. Todos os atletas testaram negativo e estão concentrados no CT Joaquim Grava até o horário da partida.

Para saber tudo sobre o Corinthians, siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitter Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top