Basquete

Histórico! Damian Lillard tem atuação memorável e quebra recordes na NBA

Foto: Divulgação/ NBA Brasil

O jogo 5 entre Denver Nuggets e Portland Trail Blazers foi especial por si só, com duas prorrogações. Ao final dos 68 minutos, os Nuggets venceram por 147 a 140 e desempataram a série que agora está de 3 a 2 a seu favor. Mas apesar da derrota, Damian Lillard teve uma atuação simplesmente histórica.

Foram incríveis 55 pontos, o que resultou no recorde de mais bolas de três convertidas por um único jogador nos playoffs. Além desta, o craque dos Blazers quebrou mais marcas com essa performance, que está não só entre as melhores individuais recente como ficará marcada para sempre na história da NBA.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

No começo de partida, a equipe de Denver chegou a abrir grande vantagem no primeiro quarto e tudo se encaminhava para uma vitória fácil. Porém, Lillard começou a escrever a história. O craque marcou impressionantes 55 pontos, dando a reação para Portland e com bolas incríveis quase que no estouro do cronômetro levou o jogo para duas prorrogações.

Ao todo foram 12 bolas de 3 convertidas, superando a marca de Klay Thompson, que havia feito 11 diante do Oklahoma City Thunder na final do Oeste em 2016. Agora Lillard é o dono do novo recorde absoluto de chutes do perímetro nos playoffs da NBA. Ele esteve com a mão tão quente que cada chute parecia que iria entrar, independente de onde ele chutasse, fazendo com que o rival agradeça a Deus quando finalmente uma bola não teve sucesso.

+Petrovic divulga convocados do Brasil para treinos antes do Pré-Olímpico

Além do recorde de bolas de 3 em uma partida de playoffs, Lillard estabeleceu outra marca impressionante, se tornando o primeiro jogador a marcar 55 pontos e 10 assistências na história dos playoffs da NBA. Os números da prorrogação são de cair o queixo. Enquanto Damian anotou 17 pontos, o restante da equipe marcou apenas dois. O aproveitamento de arremessos do camisa 0 foi seis de oito tentados, enquanto o do time todo foi um em 19.

A atuação do jogador não só foi elogiada por companheiros e rivais como movimentou muito as redes sociais. Só no Twitter após a partida foram mais de 200 mil comentários falando sobre Lillard, incluindo Kevin Durant, que afirmou ser uma experiência espiritual.

— Eu tinha cerca de 4 tweets que gostaria de escrever para descrever esta OBRA-PRIMA de Damian Lamonte Ollie Lillard Sr, mas estou seriamente sem palavras — escreveu o astro do Brooklyn Nets no Twitter.

Outros grandes nomes do esporte reverenciaram o jogador do Portland, como Stephen Curry, Draymond Green, DeMar DeRozan e Josh Hart.

Mesmo com uma noite simplesmente histórica de Damian Lillard, o time de Portland não conseguiu sair com a vitória e se encontra em desvantagem na série contra Denver, que terá a chance de avançar caso vença novamente, desta vez no Oregon. O jogador se mostrou descontente com o resultado afirmando ser uma derrota difícil e quando perguntado sobre sua performance pessoal, ele desconversou e disse que não importa pois a equipe perdeu o jogo. Apesar de ser um esporte coletivo em que se os outros atletas da sua equipe não contribuírem, não se pode vencer, mas Lillard em uma noite em “modo Deus”, como disse Kevin Durant, colocou mais uma vez o seu nome na história da NBA e do basquete.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top