e-Sports

PGL Major Antwerp 2022: Imperial perde para CPH e está fora do mundial

Divulgação / PGL

O mundial de CS:GO está definitivamente finalizado para os brasileiros da Imperial Esports. Após começaram no chaveamento de equipes que tiveram duas derrotas iniciais, a equipe brasileira conseguiu se recuperar no torneio e triunfou duas vitórias consecutivas, dando uma sobrevida no mundial. A Imperial ficou precisando de apenas uma vitória para chegar na Champions Stage, após eliminar a Cloud9.

Os imperadores liderados por Gabriel ‘FalleN’ Toledo perderam de 2 a 0 para a CPH Flames em um jogo completamente dominado pela equipe dinamarquesa. No primeiro mapa (Pick Imperial), a equipe brasileira viram um completo domínio dos europeus na Inferno que ganharam por 16 a 2. Já o segundo mapa (Pick da CPH Flames), a Imperial conseguiu encaixar um bom jogo e conseguiu emparelhar os duelos, mas mesmo assim os dinamarqueses saíram vitoriosos com a parcial de 22 a 18.

Para saber mais sobre Counter-Strike e e-sports, siga o Esporte News Mundo pelo TwitterFacebook Instagram.

Na Inferno, a CPH mostrou muito conhecimento sobre as jogadas da equipe brasileira e isso resultou com com os dinamarqueses abrindo um 5 a 0 logo de cara. A Imperial foi limitada a apenas dois pontos do lado TR na primeira metade da partida. Na virada de lados, a soberania continuou e a Flames controlou o lado defensivo dos adversários e faturou por 16 a 2 no placar.

+ FURIA vence G2 e avança para os playoffs

O segundo mapa, Vertigo, foi decidida na prorrogação e mais uma vez a equipe brasileira mostrou muita dificuldade começando mal o jogo. Além disso, a CPH conseguiu minar a economia brasileira e controlou a primeira metade da partida, finalizando em 9 a 6 no placar. Na virada de lados, a Imperial conseguiu conquistar dois pontos em sequência e somar 9 a 8. Entretanto, a Flames voltou a controlar a partida e dominar pontos cruciais do mapa. Os brasileiros, por sua vez, não desistiram e passaram a dominar o mapa e deixar a defesa adversária desconfortável. Os imperados conseguiram virar a partida para um 15 a 14, mas não conseguiu fechar o mapa e foi para a prorrogação.

Após duas prorrogações, a CPH conseguiu pontuar mais que a Imperial e fechou o mapa em 22 a 18.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top