Esportes olímpicos

Índia conquista primeiro ouro em Tóquio e holandesa vence medalha histórica nos 10.000m; veja o resumo do dia no Atletismo

Neeraj Chopra, da índia, garantiu a primeira medalha de ouro do país em Tóquio. Foto: Divulgação/Olimpíadas.

O último dia do Atletismo das Olimpíadas de Tóquio antes do encerramento com a maratona masculina foi marcado pela conquista de recorde olímpico e de uma medalha que vai entrar para a história dos Jogos.

Logo no início da manhã deste sábado (7) foi disputada a prova dos 10.000m feminino, que terminou com um resultado histórico. A etíope Letesenbet Gidey dominou grande parte da prova, mas a holandesa Sifan Hassan reagiu nos últimos mil metros e assumiu a liderança para vencer a medalha de ouro com um tempo de 29min55s32. Kalkidan Gezahegne, do Bahrein, ficou com a prata e Gidey levou o bronze.

A conquista foi marcante pois Hassan se tornou a primeira atleta a subir no pódio nas três provas de fundo do atletismo em uma mesma edição dos Jogos. Além dos 10.000m, ela venceu os 5.000m e foi bronze nos 1.500m em Tóquio.

+ Clique aqui para conferir a agenda completa de todas as modalidades

Na categoria masculina do lançamento de dardo, Neeraj Chopra, da índia, garantiu a primeira medalha de ouro do país em Tóquio com um arremesso de 87,58m. Jakub Vadlejch e Vítězslav Veselý, ambos da República Tcheca, ficaram com a prata e o bronze, respectivamente.

Nos 1.500m masculino, outra marca histórica. O norueguês Jakob Ingebrigtsen fez um tempo de 3min28s32 e quebrou o recorde olímpico da modalidade, que também havia sido batido em Tóquio. O quiniano Timothy Cheruiyot ficou com a prata e o britânico Josh Kerr, com o bronze.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Os Estados Unidos dominaram o revezamento 4×400, tanto no feminino, quanto no masculino. Entre as mulheres, as estadunidenses Sydney McLaughlin, Allyson Felix, Dalilah Muhammad e Athing Mu foram as medalhistas de ouro, com um tempo de 3min16s85. A equipe da Polônia ficou com o ouro e a da Jamaica, com o bronze.

Entre os homens, Michael Cherry, Michael Norman, Bryce Deadmon e Rai Benjamin levaram os Estados Unidos ao ouro, com um tempo de 2min55s70. A Holanda foi medalhista de prata e a Botsuana ficou com o bronze.

No salto em altura feminino, após uma longa disputa, a medalha de ouro ficou com Mariya Lasitskene, do Comitê Olímpico Russo, que atingiu a marca de 2,04m. A australiana Nicola McDermott levou a prata e a ucraniana Yaroslava Mahuchikh, com o bronze.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top