Futebol Internacional

Inter de Milão encerra contrato com Christian Eriksen

Photo by Gabriele Maltinti/Getty Images
Photo by Gabriele Maltinti/Getty Images

A Inter de Milão de maneira amigável anunciou a saída do meio campista Christian Eriksen nesta sexta-feira (17). O clube italiano procurou homenagear o dinamarquês, o dinamarquês sofreu um mal súbito durante jogo com a Finlândia na Eurocopa e chegou a ser ressuscitado em campo. Disposto a não abreviar a carreira aos 29 anos, vai buscar novos centros para atuar.

— Às vezes a vida toma caminhos inesperados e precisamos seguir para onde não imaginávamos. Todos os torcedores da Inter, fãs do futebol, acompanharam e torceram por Christian. Apesar de agora tomarem rumos separados, Inter e Eriksen estão unidos para sempre. Os bons momentos, os gols, a vitória, a comemoração pelo Scudetto, tudo isso vai ficar na história do clube — declarou a Inter, em nota.

Christian Eriksen foi contratado pela Internazionale em janeiro de 2020, após o pagamento de 27 milhões de Euros ao Tottenham. O contrato era válido até junho de 2024. O Título do Campeonato Italiano, foi o único do jogador pelo clube.

+ Para saber tudo sobre Futebol Internacional, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

O regulamento das competições da Itália impede que Eriksen siga a carreira no país. 173 dias após o susto em campo, ele voltou a trabalhar com bola no modesto Odense, onde deu os primeiros passos na carreira ainda como juvenil.

Agora, dois clubes estão interessados em sua contratação: o próprio Odense e o Ajax, segunda equipe em que atuou profissionalmente e que lhe deu destaque no cenário europeu.

As notícias mais recentes de Eriksen são de que ele voltou a treinar com bola na Dinamarca, mas em circunstâncias ainda distantes da realidade de um jogo profissional. Ele não conseguiu permissão para voltar a competir na Itália, porque o cardiodesfibrilador interno (CDI) implantado em seu coração é um dispositivo não permitido no futebol do país. Foram somente 60 jogos pelo clube em quase dois anos em Milão.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top