Futebol Internacional

Jogador do Ajax critica fato de clube não ter sido declarado campeão holandês

A Federação Holandesa de Futebol decidiu encerrar o campeonato nacional por conta da pandemia do novo Coronavírus. Desta forma, nenhum clube foi rebaixado ou declarado campeão no país. O fato chateou o atacante Ziyech, do Ajax, que protestou contra a Federação. Em entrevista ao “AD”, o jogador marroquino contestou a decisão de não dar o título a nenhum clube e lembrou que o Ajax liderava a competição.

“Agora que não tem futebol, estão cada dia mais loucos. Nós estamos na frente. Essas histórias de que o AZ merecia mais porque nos ganhou duas vezes é um absurdo”, disse Ziyech.

Apesar de ocupar a primeira posição na tabela, o Ajax tinha o mesmo número de pontos do que o AZ Alkmaar, que estava em segundo lugar. O critério de desempate na Holanda é o saldo de gols e, por isso, o Ajax liderava mesmo tendo menos vitórias.

“Agora a diferença de gols não conta? Como o PSV ganhou em 2007? Exatamente por um gol. É verdade que não somos oficialmente campeões. Eu também preferia que se decidisse no campo, mas se tem que eleger um campeão, é o Ajax”, finalizou Zyiech.

O marroquino vai deixar o Ajax a partir de julho, já que havia assinado com o Chelsea. Os ingleses chegaram em um acordo com os holandeses e devem pagar mais de R$ 200 milhões pelo atacante. Ziyech marcou 22 gols em 35 jogos na atual temporada.

Foto: Divulgação / Ajax

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo