Lutas

José Aldo foca em luta contra Dillashaw e descarta enfrentar outro ex-campeão do UFC

Divulgação/Facebook UFC Brasil

José Aldo ainda não tem adversário definido depois de vencer Pedro Munhoz em sua última luta no UFC. Mas mesmo sem saber seu futuro rival, o brasileiro quer ele seja um ex-campeão dos galos, Mais precisamente, T.J. Dillashaw.

Em entrevista ao site MMAFighting, o manauara reiterou que o americano, a quem desafiou após vencer Munhoz ainda segue como seu alvo preferido. O desejo era de lutar contra o ex-campeão ainda em 2021, mas uma lesão deste deve mandar os planos de Aldo para o começo de 2022. Algo que não incomoda o ex-campeão dos penas.

LEIA MAIS

+ UFC 269 terá trilogia entre Brandon Moreno e Deiveson Figueiredo

+ Exclusivo: Ariane Lipski fala da próxima luta, volta por cima no UFC e do início da carreira

– Quero construir um legado, ter uma carreira boa para poder olhar para trás quando eu parar e ver que construí algo de bom. Eu quero ir passo-a-passo. O Dillashaw é o foco. Se for para lutar no começo do ano que vem, por mim tudo bem. Isso vai ficar para o Dedé (Pederneiras, técnico e empresário). Quero lutar em dezembro ou janeiro. Com mais uma grande luta e vitória, quero me aproximar do título – afirmou o brasileiro.

O desejo de enfrentar Dillashaw está tão forte na cabeça de José Aldo que, se não puder enfrentar o americano agora, um outro rival sugerido, também ex-campeão do Ultimate, Dominick Cruz, não agrada neste momento ao manauara para um combate.

– Alguns repórteres estão falando agora de uma luta com o Dominick Cruz. Acho que estamos indo para caminhos diferentes agora. Ele está se dedicando mais às transmissões do UFC do que lutar. Não penso hoje em enfrentar o Dominick. Respeito ele, acho que ele é um dos maiores pesos-galos da história, campeão, mas agora o caminho que eu tomei é o do cinturão. Não há motivo para que eu faça uma luta que não faz sentido algum. Faria mais sentido lutar contra o Rob Font do que com Dominick Cruz – disse.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top