Vasco

Justiça cobra explicação do Vasco sobre exclusão de sócios anistiados

— Continua depois da publicidade —

Em ação movida por dois sócios gerais anistiados, a Justiça do Rio de Janeiro pediu, com urgência, explicação ao Vasco sobre a exclusão deles do pleito eleitoral de novembro. Os associados são Mauro Silva Ozório Filho e Guilherme Maia de Faria.

Confira trecho da decisão:

Intime-se o reú, com URGÊNCIA e por OJA, para que e manifeste, prazo de 5 dias úteis, acerca de tutela provisória de urgência requerida pelos autores. Em sua manifestação, o réu deverá indicar, de forma clara e objetiva, qual a norma contida no Estatuto Social do Clube, que fundamentou a exclusão dos autores de participarem da Assembleia Geral Ordinária, a ser realizada no dia 07 de novembro de 2020. Decorrido o prazo, voltem imediatamente conclusos.

A Junta Deliberativa do Vasco, em julho, havia decidido pela exclusão de anistiados da categoria “Sócio Geral”, isto é, que não possuem títulos proprietários. Ao todo, mais de 1.300 sócios ficaram impedidos de participarem da Assembleia Geral Extraordinária e Assembleia Geral Ordinária.

As eleições estão marcadas para o dia 7 de novembro, em um sábado. Antes disso, a Junta de Recursos ainda analisa documentos para finalizar a listagem final, que vai ser divulgada no site do clube. A tendência é de que na próxima sexta-feira os trabalhos sejam encerrados.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo